v. 14 n. 32 (2022): Formação de professores de artes no Brasil: problematizações a partir do projeto em rede observatório

					Visualizar v. 14 n. 32 (2022): Formação de professores de artes no Brasil: problematizações a partir do projeto em rede observatório

Organização: Profa. Dra. Maria Cristina da Rosa Fonseca da Silva (UDESC)

Profa. Dra. Vera  Penzo Fernandes(UFMS)

A presente proposta é resultado de pesquisas do Observatório da Formação de Professores no âmbito do Ensino de Arte (OFPEA/BRARG) e da Rede Latino-Americana de Investigadores em Formação de Professores de Artes (LAIFOPA). Analisa, a partir da atual conjuntura, diferentes problemáticas relacionadas a formação de professores de Artes Visuais no Brasil e América Latina. Os estudos orientam-se pelo conceito de práxis na abordagem do materialismo histórico dialético, no entanto outras abordagens pós-críticas podem compor este número da revista. Busca discutir processos sociais que engendram diferentes proposta curriculares nacionais e internacionais, as condições de trabalho, a materialidade da profissão e diferentes aspectos da formação de professores de Arte. Agrega textos de pesquisadores da Região Norte, Sul, Centro-oeste, Sudeste e Nordeste brasileiro e de pesquisadores Argentinos e portugueses. A partir de chamada aberta também poderá receber outros estudos que problematizem as licenciaturas em Artes Visuais no Brasil e ou na América Latina.  Os resultados das pesquisas são sistematizados com o objetivo de dimensionar mudanças e continuidades nos currículos da formação de professores de Artes Visuais e problematizar propostas curriculares contemporâneas que cerceiam a autonomia e a liberdade de criação na formação docente.

Publicado: 2022-01-03

Expediente

Editorial

Apresentação

Artigos Seção temática

Proposições, registros e relatos artísticos