A materialidade têxtil na criação do designer de moda

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/1982615x15352022203

Palavras-chave:

processo criativo, método, materiais

Resumo

O texto apresenta uma experiência metodológica vivenciada em um curso de Design de Moda na cidade do Rio de Janeiro, Brasil, feita com alunos do último semestre durante o desenvolvimento de seus projetos de conclusão. Apresenta o estudo de uma ferramenta para o processo criativo e alguns resultados obtidos. O texto reflete também sobre a importância do material têxtil como elemento criativo e não apenas como meio para a roupa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Aline Moreira Monçores, Universidade Veiga de Almeida - UVA/RJ

Doutora e mestre em design pela PUC-Rio, Epecialista em Marketing de Moda pela Anhembi Morumbi/SP, Bacharel em Moda pela UVA-RJ.

Daniele Marçal Spada, Universidade Veiga de Almeida - UVA/RJ

Doutoranda em Design pela PUC - RJ, Mestre em Psicanálise, Saúde e Sociedade da Universidade Veiga de Almeida. Formação Clínica em Arteterapia (POMAR). Complementação Pedagógica em Didática do Ensino Médio e Superior pelo AVM - Instituto A Vez do Mestre- UCAM. Graduação em Pintura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Foi Fundadora, diretora e crítica de arte do Centro Cultural Espaço da Arte atuando em curadoria e montagem de exposições. Pesquisadora de processos criativos e propostas pedagógicas inovadoras. Atualmente, coordenadora de Pós-Graduação dos cursos de Cenografia e Visual Merchandising. Professora de Laboratório de Criação, Projeto de Inovação e Cenografia na UVA - Universidade Veiga de Almeida. Estudos com ênfase na subjetividade, criatividade e processo criativo, atuando principalmente nos seguintes temas: arte e design, linguagem e subjetividade, criatividade e inovação.

Referências

AZNAR, Guy. Ideias – 100 técnicas para a criatividade. São Paulo: Summus, 2011.

CARRILHO, Kleber; MARKUS, Kleber, Narrativas Na Construção De Marcas: Storytelling E A Comunicação De Marketing. Organicom – v. 11, N. 20, P.128-136, 2014, Disponível em: https://www.revistas.usp.br/organicom/article/view/139224 . Acesso em: 15 mai. 2021.

FORNASIER, Cleuza B. R.; MARTINS, Rosane F. de F.; e DEMARCHI, Ana Paula P. O ensino da disciplina de desenvolvimento de projetos como sistema de gestão do conhecimento. In: Design de Moda: olhares diversos, Dorotéia Baduy Pires (org.). Barueri, São Paulo: Estação das Letras e Cores Editora, 2008.

HART, J. The Art Of The Storyboard: storyboarding for film, TV and animation. Woburn: Focal Press, 1999.

JOHANSSON, Eleonor. Slow fashion – the answer for a sustainable industry? Boras: University of Boras, 2010.

KELLER, Paulo Fernandes. O Trabalho Imaterial do Estilista, a Produção de Moda e a Produção de Roupa. (Apresentação) 31º. Encontro Anual da ANPOCS. Caxambu – MG, 2007. Disponível em:

https://estudosemdesign.emnuvens.com.br/design/article/download/302/217. Acessado em: 15 mai2021.

LAURENTIZ, Paulo. A Holarquia do pensamento artístico. Campinas:Edunicamp, 1991.

SALTZMAN, Andrea. El cuerpo diseñado: la forma y el proyecto della vestimenta. Buenos Aires: Paidós, 2004

MONTEIRO, Gisela Pinheiro; NEDER, Mônica Queiroz. Handstorm: uma prática para o design de moda. REDIGE v. 4, n. 01, P.01-13, 2013. Disponível em: http://www.cetiqt.senai.br/redige. Acessado em: 15 mai 2021

MORAIS, M. M. Reflexões metodológicas sobre o Design de moda. In: CONGRESSO DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO EM DESIGN, 7, 2006, Curitiba. Anais. Curitiba: Unicemp, 2006. 1 CD-ROM

New York Textile Month. A Manifesto by Lidewij Edelkoort. Disponível em: https://www.textilemonth.nyc/. Acesso em: 15 mai. 2021.

TREPTOW, Doris. Inventando Moda, planejamento de coleção. Brusque, 2003.

Downloads

Publicado

2022-01-02

Como Citar

MONÇORES, A. M. .; SPADA, D. M. A materialidade têxtil na criação do designer de moda. Modapalavra e-periódico, Florianópolis, v. 15, n. 35, 2022. DOI: 10.5965/1982615x15352022203. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/modapalavra/article/view/21469. Acesso em: 28 maio. 2022.