Design Sustentável e o Desenvolvimento de Produtos com Identidade Territorial

Autores

  • Andréia Mesacasa Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Florianópolis, SC

DOI:

https://doi.org/10.5965/1982615x04082011005

Palavras-chave:

Território, Design, Sustentabilidade

Resumo

O presente artigo discute a inserção do design sustentável no desenvolvimento de produtos com identidade territorial. Os produtos com identidade territorial carregam em si conjuntos de elementos materiais e imateriais, além de integrarem uma nova abordagem da função do designer dentro do contexto de valorização das características específicas de um determinado território. Nesta perspectiva, destaca-se o aspecto relacional do território, onde o mesmo é circunscrito pelas relações sociais efetuadas pelos indivíduos/atores de uma sociedade. Neste sentido, o design representa um catalisador da inovação e da criação de uma imagem positiva ligada ao território, a seus produtos e serviços, sendo resultado de uma rede que envolve recursos da biodiversidade, modos tradicionais de produção, costumes e também hábitos de consumo. Aliada a estes fatos localiza-se a estratégia da cadeia de valor, fundamentada na promoção e desenvolvimento de soluções sustentáveis, e que pode atuar na configuração de um design sistêmico integrado ao território.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

A competitividade territorial: Conceber uma estratégia de desenvolvimento territorial à luz da experiência LEADER [Inovação em meio rural - Caderno n.°6/1 - dezembro de 1999]. Disponível em: <http://ec.europa.eu/agriculture/rur/leader2/rural-pt/biblio/compet/sub22.htm.> Acesso em: 09 nov. 2010.

BENKO, G.; PECQUEUR, B. Os recursos de territórios e os territórios de recurso. Geosul. Florianópolis, vol. 16, n 32, p. 31-50, jul/dez, 2001.

BRODHAG, C. Agriculture durable, terroirs et pratiques alimentaires. Dossier de l’environnement de I’INRA, n. 27, 2000.

COMISSÃO BRUNDTLAND. Nosso Futuro Comum, Relatório sobre Desenvolvimento Sustentável. ONU, Comissão Mundial sobre o Meio Ambiente, Cambridge: Polity Press, 1987.

DENARDIN, V. F.; SULZBACH, M. T. Produtos com identidade territorial: o caso da farinha de mandioca no litoral paranaense. In: SAQUET, M. A.; SANTOS, R. A. (org). Geografia agrária, território e desenvolvimento. São Paulo: Expressão Popular, 2010.

DOM E ARTE. Disponível em: <http://www.domearte.com.br/.> Acesso em: 09 nov. 2010.

INPI. Resolução, 075/2000, de 28 de novembro de 2000. Disponível em: <http://www.inpi.gov.br/menu-esquerdo/indicacao/legislacao/resolucao-inpi-075-de-28-denovembro-de-2000.> Acesso em: 09 nov. 2010.

KRUCKEN, L. Design e território: valorização de identidades e produtos locais. São Paulo: Studio Nobel, 2009.

LÖBACH, B. Bases para a configuração do design industrial. São Paulo: Edgard Blücher, 2001.

MANZINI, E. Design para a inovação social e a sustentabilidade. São Paulo: E-papers, 2008.

MANZINI, E.; VEZZOLI, C. O desenvolvimento de produtos sustentáveis: os requisitos ambientais dos produtos industriais. São Paulo: Edusp, 2008.

ODUM, E. P. Fundamentos de ecologia. São Paulo: Cengage Learning, 2008.

RAFFESTIN, C. Por uma Geografia do poder. São Paulo: Ática, 1993.

SAQUET, M. Abordagens e concepções de território. São Paulo: Expressão Popular, 2007.

TALENTOS DO BRASIL. Disponível em: <http://www.mda.gov.br/portal/saf/programas/talentosdobrasil.> Acesso em: 09 nov. 2010.

Downloads

Publicado

2011-07-01

Como Citar

MESACASA, Andréia. Design Sustentável e o Desenvolvimento de Produtos com Identidade Territorial. Modapalavra e-periódico, Florianópolis, v. 4, n. 8, 2011. DOI: 10.5965/1982615x04082011005. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/modapalavra/article/view/7811. Acesso em: 26 fev. 2024.

Edição

Seção

Artigos