AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DA ÁGUA NO PERIMETRO RURAL DO MUNICIPIO DE PINHALZINHO-SC

Autores

  • Gilmar de Almeida Gomes Udesc
  • Joana de Paula Canton Udesc
  • Raquel Buligon Udesc

Resumo

O crescimento populacional tem como consequência o uso crescente dos recursos naturais, na maioria das vezes de forma irracional, resultando em significativos impactos ambientais. Os recursos hídricos estão sofrendo várias formas de contaminação, podendo gerar impactos tanto nas águas superficiais e subterrâneas. O objetivo do presente trabalho foi avaliar a qualidade da água de reservatórios do perímetro rural do município de Pinhalzinho, oeste do estado de Santa Catarina. Os métodos utilizados foram análises microbiológicas (coliformes fecais e totais) e físico-químicas (cloreto, condutividade elétrica, pH, sólidos e turbidez). A avaliação das análises mostrou que todos os pontos possuem algum resultado fora dos padrões estabelecidos, estes resultados mostram que a água deve ser tratada para preservar o meio ambiente e evitar problemas com a saúde dos consumidores. O treinamento é de extrema importância para alcançar os objetivos propostos, pois o monitoramento e tratamento destas águas é uma necessidade urgente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-09-30

Como Citar

GOMES, G. de A.; CANTON, J. de P.; BULIGON, R. AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DA ÁGUA NO PERIMETRO RURAL DO MUNICIPIO DE PINHALZINHO-SC. Cidadania em Ação: Revista de Extensão e Cultura, Florianópolis, v. 8, n. 1, p. 6-17, 2014. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/cidadaniaemacao/article/view/4830. Acesso em: 28 set. 2022.