EQUIPAMENTOS CULTURAIS DA GRANDE VITÓRIA-ES: DOCUMENTAÇÃO E PRODUÇÃO ARTÍSTICO-CULTURAL E EDUCATIVA LOCAL

Autores

  • Margarete Sacht Góes Universidade Federal do Espírito Santo http://orcid.org/0000-0002-7146-6022
  • Leiliana Zucoloto Macedo Universidade Federal do Espírito Santo

DOI:

https://doi.org/10.5965/19843178182022e0030

Palavras-chave:

Arte, Educação, Equipamentos culturais, Arte capixaba,

Resumo

O presente artigo é resultado da pesquisa realizada durante os anos de 2019 e de 2020 acerca da documentação dos aparelhos culturais capixabas. Nesse sentido, fazer um levantamento, por meio de uma pesquisa bibliográfica e das narrativas dos sujeitos que ocupam os equipamentos culturais da Grande Vitória – ES/BRASIL, é objetivo deste texto. Analisa também a relevância desses equipamentos (museus, galerias e espaços-residência) ao compreendê-los como espaços voltados para a formação docente e discente, bem como lócus para que os artistas/pesquisadores/professores se inspirem, criem, pesquisem, produzam e exponham seus trabalhos potencializando a produção artístico-cultural e educativa local. Reflete sobre as ações educativas por meio dos materiais educativos produzidos nesses espaços e sua aplicabilidade para/nas instituições de ensino. Para tanto, fundamenta-se teoricamente nos estudos de Bakhtin (2006), Moreira e Candau (2008), Gabre (2019), Irwin (2008) e Canton (2009). Finaliza propondo, a partir do diálogo Arte e Educação, a relevância desses equipamentos para a formação estético-cultural-educacional da população capixaba.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Margarete Sacht Góes, Universidade Federal do Espírito Santo

MARGARETE SACHT GÓES - Doutora em Educação na linha de pesquisa Educação e Linguagens pela Universidade Federal do Espírito Santo – UFES. Atualmente é professora da Universidade Federal do Espírito Santo, no Departamento de Linguagens Cultura e Educação, do Centro de Educação. Coordena o Grupo de Estudos e Pesquisas sobre o Ensino da Arte na Educação infantil (GEPAEI) e realiza pesquisas sobre o ensino da Arte para esse segmento da Educação Básica, além de produzir materiais educativos e teóricos que contribuem para a formação inicial e continuada de professores. 

Leiliana Zucoloto Macedo, Universidade Federal do Espírito Santo

Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal do Espírito Santo - UFES

Referências

BAKHTIN, Mikhail; VOLOSHINOV, Valentin Nikoláievitch. Marxismo e filosofia da linguagem: problemas fundamentais do método sociológico da linguagem. São Paulo: Hucitec, 2006.

BARBOSA, Ana Mae. Interterritorialidade na Arte/Educação e na Arte. In: BARBOSA, Ana Mae; AMARAL, Lilian (org.). Interterritorialidade: mídias, contextos e educação. São Paulo; Editora Senac São Paulo: Edições SESC SP, 2008. p.23-44.

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. A educação como cultura São Paulo: Brasiliense, 1986.

CAMNITZER, Luis. Introdução. In: BARREIRO, G. P.; CAMNITZER, L. (orgs.). Educação para a arte, arte para a educação. Porto Alegre: Fundação Bienal do Mercosul, 2009.

CANTON, Katia. Do Moderno ao Contemporâneo. São Paulo: Editora WMF Martins Fontes, 2009.

GABRE, Solange. O museu de arte e sua dimensão educativa: em defesa da criança pequena como público. Atos de Pesquisa em Educação - ISSN 1809-0354 Blumenau, v.14, n.1, p.145-168, jan./abr. 2019 DOI: http://dx.doi.org/10.7867/1809-0354.2019v14n1p145-168

IRWIN, Rita. A/r/tografia: uma mestiçagem metomínica. In: BARBOSA, Ana Mae; AMARAL, Lilian (org.). Interterritorialidade: mídias, contextos e educação. São Paulo; Editora Senac São Paulo: Edições SESC SP, 2008. p.87-104.

MOREIRA, Antônio Flavio; CANDAU, Vera Maria. Multiculturalismo: diferenças culturais e práticas pedagógicas. 2. ed.- Petrópolis, RJ: Vozes, 2008.

NOGUEIRA, Monique Andries. Experiências estéticas em curso de didática: a formação cultural dos futuros professores. XIV ENDIPE - Encontro Nacional de Didática e Prática de Ensino, Porto Alegre: PUCRS, 2008.

RICHTER, Ivone Mendes. Arte e interculturalidade: possibilidades na educação contemporânea. In: BARBOSA, Ana Mae; AMARAL, Lilian (org.). Interterritorialidade: mídias, contextos e educação. São Paulo; Editora Senac São Paulo: Edições SESC SP, 2008. p.105-111.

SASSO, Leísa. Livro-objeto a/r/tográfico: práticas de pedagogia cultural na periferia de Brasília. 252 f.: il.; 30 cm. Dissertação (mestrado) - Universidade de Brasília, Instituto de Artes, Departamento de Artes Visuais, Programa de Pós -Graduação em Arte, 2014.

Downloads

Publicado

2022-06-29

Como Citar

GÓES, M. S.; MACEDO, L. Z. EQUIPAMENTOS CULTURAIS DA GRANDE VITÓRIA-ES: DOCUMENTAÇÃO E PRODUÇÃO ARTÍSTICO-CULTURAL E EDUCATIVA LOCAL. Revista Educação, Artes e Inclusão, Florianópolis, v. 18, 2022. DOI: 10.5965/19843178182022e0030. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/arteinclusao/article/view/17726. Acesso em: 29 nov. 2022.