A percepção artística e histórico-cultural do vestuário

Carolina Morgado Pereira

Resumo


O vestuário, os acessórios e todo tipo de adorno definem, distinguem, determinam e identificam os indivíduos de acordo com a esfera social, cultural e artística na qual estão inseridos. A intenção deste artigo é apontar a importância da análise cultural e social do traje através da interação teórica de autores com as suas perspectivas artísticas e histórico-culturais, bem como conceituar os termos “moda”, “traje” e “vestuário” para o entendimento de suas relações e a construção social e cultural de seus contextos específicos. Além disso, pretende-se pesquisar as possibilidades de análise das percepções da forma no objeto vestuário, no que se refere às características estilísticas, aos elementos visuais e ao discurso. Mostra-se, assim, que diversas esferas do conhecimento visam à multidisciplinaridade e interdisciplinaridade para o entendimento e o estudo de um objeto complexo como o vestuário, cujas composições significam e discursam sobre os mais variados posicionamentos culturais, artísticos, políticos e sociais.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5965/1982615x08162015090

Direitos autorais Carolina Morgado Pereira

Licença Creative Commons

      http://www.revistas.udesc.br/public/site/images/rocha1/ceart1.png