O mesmo, só que diferente: o Teatro e a “assombração”

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/14145731023820200045

Palavras-chave:

Recepção teatral, Cognição, Memória, “assombração”

Resumo

O texto da conferência proferida por Marvin Carlson em outubro de 2019 na Unirio, cuja tradução apresento aqui, explora uma temática significativa para aqueles que estudam a recepção teatral. Conduzindo o leitor por diferentes espetáculos e variados grupos teatrais ao longo da história, o autor discute e comprova que, devido a certas características únicas do teatro como atividade humana, esta arte opera uma dinâmica universal de cognição e experiência, fundamentada na memória de experiências anteriores colocadas em justaposição com as novas, processo que ele intitula de ghosting e que traduzi por “assombração”.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marvin Carlson, City of New York University

Ph. D. in Drama e Teatro pela Universidade de Cornell. Atualmente é o Sidney E. Cohn Distinguished Professor de Teatro, Literatura Comparada e Estudos do Oriente Médio na City of New York University. Sua obra abrange principalmente a história e teoria do teatro do século XVIII ao século XXI. Ele recebeu o ATHE Career Achievement Award, o George Jean Nathan Prize, o Barnard Hewitt Prize, o George Freedley Award, o Edgar Rosenblum Award, o Oscar G. Brockett Prize, e um Guggenheim Fellowship. Seu livro mais conhecido no Brasil é Teorias do Teatro (Editora UNESP, 1997), traduzido em sete línguas. Seu livro The Haunted Stage de 2001 recebeu o prêmio Callaway.

Evelyn Furquim Werneck Lima, Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO)

Evelyn Furquim Werneck Lima coordena o Laboratório de Estudos do Espaco Teatral e Memória Urbana desenvolvendo trabalhos sobre arquitetura teatral e cenografia. É professora Titular do Programa de Pós graduação em Artes Cênicas e doutora em História Social (UFRJ com estágio doutoral na Ecole des Hautes Etudes en Sciences Sociales-Paris) e pós-doutora (Paris X- 2003 e Collège de France-2011). É Pesquisador 1- B do CNPq.

Referências

ANDREWS, Richard. Molière, Commedia dell´arte, and the Question of Influence in Early Modern European Theatre, The Modern Language Review, CARLSON, Marvin. Deathtraps: The Postmodern Comedy Thriller. Bloomington: Indiana University Press, 1993.

CARLSON, Marvin, The Haunted Stage: The Theatre as Memory-Machine. Ann Arbor: University of Michigan Press, 2001.

HOLMES, Rupert. Accomplice. New York: Samuel French, 1991.

MEE, Erin B.; FOLEY, Helene P. Antigone on the Contemporary World Stage. Oxford: Oxford University Press, 2011.

NICHOLLS, Edmund, The Haunted History of British Theatres. Londres: InView, 2014.

VELTRUSKÝ, Jiří. The Prague School Theory of Theater, Poetics Today 2:3, 1981.

Downloads

Publicado

2020-09-24

Como Citar

CARLSON, Marvin; LIMA, Evelyn Furquim Werneck. O mesmo, só que diferente: o Teatro e a “assombração”. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 2, n. 38, p. 1–13, 2020. DOI: 10.5965/14145731023820200045. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/17395. Acesso em: 23 maio. 2024.