Palestras sobre um sistema de moda e têxtil sustentável:

uma análise qualitativa dos stakeholders

Autores

  • Martina Motta

DOI:

https://doi.org/10.5965/1982615x15352022097

Resumo

Uma das muitas maneiras de descrever o sistema de moda

italiano, é aquela que o define como a ação e interação das

pessoas no processo de fazer: em seus artefatos,

conhecimento, expertise reside a essência e o motor da

indústria da moda. Na contemporaneidade, impulsionados

pela mudança em direção à sustentabilidade, os designers

estão trabalhando em conjunto com agricultores,

processadores de matéria-prima, artesãos, fabricantes de

roupas, fabricantes, varejistas e, quanto mais eles estão

envolvidos e familiarizados com eles, mais podem intervir

para trazer mudança e inovação para um futuro melhor e

sustentável. Os fornecedores são os lugares onde a

sustentabilidade acontece e, além disso, com seus esforços

de décadas, recursos preciosos para aprender.

O artigo relata uma investigação qualitativa sobre a cadeia

de suprimentos da moda italiana, com o objetivo de detectar

os pontos quentes onde a interação humana entre

fabricantes e designers está promovendo práticas, processos

e produtos sustentáveis.

Downloads

Publicado

2022-01-02