Um cyborg em campo de nuvens

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/2175234607132015063

Palavras-chave:

Cyborg , híbridos , objetos técnicos , interação

Resumo

O presente artigo apresenta a figura do cyborg como própria para lidar com o atual estado de mútua incorporação entre orgânico e sintético. O entendimento dessa condição contribui com a aquisição de parâmetros para a visualização de mecanismos de interação que promovem a hibridização de objetos técnicos com o humano e na demarcação da relevância de seu entendimento para a análise das relações entre sujeito, interfaces e sistemas complexos de comunicação. Através do cruzamento de ideias de Derrik de Kerckhove, Lúcia Santaella, Bruno Latour, Vilém Flüsser, Caroline Jones, Donna Haraway e Gilbert Simondon, construímos um traçado da linguagem como primeiro aparato técnico agregado ao humano até a polifonia de vozes encontrada em personagens virtuais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodrigo Hipólito, Universidade Federal do Espírito Santo

Mestrado em História e Crítica da Arte pelo Programa de Pós-Graduação em Artes da Universidade Federal do Espírito Santo (PPGA-UFES), bolsa Capes.

Fabiana Pedroni, Universidade de São Paulo

Cursa mestrado em História Social na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo. Bolsa Capes.

Referências

ASCOTT. Roy. Quando a Onça se Deita com a Ovelha: a Arte com Mídias Úmidas e a Cultura Pós-biológica. In: DOMINGUES, Diana (org.). Arte e Vida no Século XXI – Tec- nologia, Ciência e Criatividade. São Paulo: Editora UNESP, 2003, pp.273-284.

ASIMOV, Isaac. O homem bicentenário. São Paulo: Hemus, 1980.

BAZZICHELLI, Tatiana. Networked Disruption: rethinking oppositions in art, hacktivism and Business of Social Networking, 2011.

CAMERON, James. Terminator. 107 min. Estados Unidos: Hemdale Film/Pacific Wes- tern/Euro Film Funding/Cinema 84, 1984.

CLYNES, Manfred E.; KLINE, Nathan S. Cyborgs and Space. Astronautics. New York, set. 1960, p.26-27, 74-76. Disponível em: <http://web.mit.edu/digitalapollo/Documents/

Chapter1/cyborgs.pdf>. Acesso em 17 ago. 2014.

CRONENBERG, David. eXistenZ. 97 min. Canadá/Inglaterra: Alliance Atlantis Commu- nications/Canadian Television Fund/Harold Greenberg Fund/Movie Network/Natural Nylon Entertainment/Serendipity Point Films/Téléfilm Canada/Union Générale Ciné- matographique, 1999.

DOMINGUES, Diana. Arte, Ciência e tecnologia: passado, presente e desafios. São Pau- lo: Editora UNESP, 2009.

FLUSSER, Vilém. O Mundo Codificado: por uma filosofia do designe e da comunicação. Org. Rafael Cardoso; Trad. Raquel Abi-Sâmara. São Paulo: Cosac Naify, 2013.

FOLMAN, Ari. The Congress. 122 min. Israel/Germany/Poland/Luxembourg/Belgium/ France: Bridgit Folman Film Gang/Pandora Filmproduktion/Opus Film/Paul Thiltges Distributions/Entre Chien et Loup/Liverpool, 2013.

FRAGOSO, Suely. Cunctus Ergo Sum. Crítica à compreensão cartesiana de sujeito nos estudos da cibercultura. In: REIS, Angela P.; TRIVINHO, Eugênio (Org). A cibercultura em transformação: poder, liberdade e sociabilidade em tempos de compartilhamento, nomadismo e mutação de direitos. São Paulo: ABCiber/Instituto Itaú Cultural, 2010, p. 182-187.

GRAY, Chris H.; FIGUEROA-SARRIERA, Heidi; MENTOR, Steven (ed.). The Cyborg Han- dbook. New York: Routledge, 1995

HARAWAY, Donna J.; KUNZU, Hari; TADEU, Tomaz (Org. e Trad.). Antropologia Ciborg: As Vertigens do Pós-Humano. 2ª. Ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2009.

.Science, Technology: and Socialist-Feminism in the Late Twentieth Century. In: . Simians, Cyborgs and Women: The Reinvention of Nature. New York: Rout- ledge, 1991, p.149-181.

JONES, Catharine A. (Ed.). Sensorium: Embodied Experience. Technology and Contem- porary Art. Cambridge: MIT press. 2006.

KAMIYAMA, Kenji. Ghost in The Shell: Stand Alone Complex. Japão: Bandai Visual Com- pany/DENTSU Music And Entertainment/Kodansha/Production I.G, 2002-2005.

KERCKHOVE, Derrick. A Pele da Cultura. Investigando a nova realidade eletrônica. São Paulo: Annablume, 2009.

KRAUSE, Bernardo Gustavo. O espelho de Flusser. ArteFilosofia, Ouro Preto,UFOP, n. 14, p. 171-183, jul 2013.

KUBRICK, Stanley. 2001: A Space Odyssey. 160 min. Estados Unidos/Inglaterra: Metro- Goldwyn-Mayer (MGM)/Stanley Kubrick Productions, 1968.

LANG, Fritz. Metropolis. 153 min. Alemanhã: Universum Film (UFA), 1927.

LATOUR, Bruno. Jamais Fomos Modernos: ensaio de antropologia simétrica. Trad. Car- los Irineu da Costa, 2ª ed. 2009 – 1º reimpressão 2011. Rio de Janeiro: Ed. 34, 1994.

LE GOFF, Jacques. A memória étnica. In: . História e Memória. Campinas, SP: Editora da UNICAMP, 2003, p. 423-437.

MANOVITCH, Lev. Software takes command: extending the language of new media. New York: Bloomnsbury, 2013. Diponível em: <http://www.2m7.nl/softwarestudies/ software%20takes%20command.pdf>. Acesso em: 25 mai. 2014.

PELLEGRINO, Giuseppina. Convergence and a saturation. Ecologies of artefacts in mo- bile and ubiquitous interacion. In: NYÍRI, Kristóf (ed.). Towards a Philosophy of Tele- comunications Convergence. Comunications in the 21st Century. Budapest: T-Mobi- le Hungary/The Hunagarian Academy of Sciences, 2007, p. 227-231. Disponível em:

<http://eprints.kingston.ac.uk/2345/1/prepro2007_szin.pdf>. Acesso em 15 jun. 2014.

PFISTER, Wally. Transcendence. 119 min. Inglaterra/China/Estados Unidos: Alcon/En- tertainment/DMG Entertainment/Straight Up Films/Syncopy, 2014.

PIACENTINI, Gustavo. Reificação na Ficção Científica norte-americana dos anos 1960: uma análise do foco narrativo de Do Androids Dream of Electric Sheep? De Phillip K. Dick. 2011. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguís- ticos e Literários em Inglês, Departamento de Letras Modernas da Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo: 2011. (Orientação Dr. Marcos César de Paula Soares).

REINALDO, Gabriela. A Natureza de Vilém Flusser: experiências limites. Flusser Studies 15, maio 2013. Disponível em: <http://www.flusserstudies.net/archive/flusser-studies-

-may-2013>. Acesso em: 03 jun. 2013.

SALEH, Tarik. Metropia. 86 min. Suécia/Dinamarca/Noruega: Atmo Media Network/Ca- nal Television AB/Film i Väst/Sandrew Metronome Distribution Sverige AB/Sveriges Te- levision (SVT)/Tordenfilm AS/Trust Film Sales 2 ApS/Zentropa Entertainments/Zentropa Productions, 2009.

SANTAELLA, Lúcia. Cultura e artes do pós-humano. São Paulo: Paulus, 2003.

________. Ecologia pluralista da comunicação. Conectividade, mobilidade, ubiquidade. São Paulo: Paulus, 2010.

________. Pós-Humanismo, por quê?. Revista USP, São Paulo, n.74, p. 126-137, Jul/Ago 2007. Disponível em: <http://www.revistas.usp.br/>. Acesso em: 03 jun. 2013

SIMONDON. Gilbert. EI modo de existencia de los objetos técnicos. Buenos Aires: Pro- meteo Libros, 2007.

WIENER, Norbert. Cybernetics: or Control and Communication in the Animal and the Machine. London: John Wiley & Sons/M.I.T. Press, 1961. Disponível em: . Acesso em: 29 ago. 2014.

Downloads

Publicado

2015-08-06

Como Citar

HIPÓLITO, Rodrigo; PEDRONI, Fabiana. Um cyborg em campo de nuvens. Palíndromo, Florianópolis, v. 7, n. 13, p. 063–082, 2015. DOI: 10.5965/2175234607132015063. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/palindromo/article/view/6085. Acesso em: 14 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos Seção aberta