Diferenciação e Sustentabilidade a partir do redesign de roupas de roupas de brechó: um modelo de estratégia produtiva

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/1982615x09012015024

Palavras-chave:

redesign de roupa de brechó, sustentabilidade, moda e consumo

Resumo

Pautado em pesquisa bibliográfica e de campo, e em estudo de casos, o presente trabalho apresenta uma reflexão em torno de um modelo de processo produtivo na área do design de moda focado na sustentabilidade. Trata-se de uma proposta metodológica que contempla o redesign de roupas de brechó, descartadas e desvalorizadas por se encontrarem fora das tendências de moda, que poderão passar por um processo de upcycling, estendendo seu ciclo de vida útil e voltando a ter valor estético e de mercado. Objetiva-se mesmo que, numa pequena parcela, contribuir com o meio ambiente de forma criativa e inovadora, tendo como diferencial o fato de possibilitar a reprodução das peças em escala, sem perder a exclusividade. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Livros

LIPOVETSKY, Gilles. O império do efêmero: a moda e seu destino nas sociedades modernas.São Paulo: Companhia das letras, 1989, p.347.

LIPOVETSKY, G.; SERROY, J. A cultura-mundo: resposta a uma sociedade deso- rientada.Tradução: Maria L. Machado. São Paulo: Companhia das Letras, 2011, p. 207.

ERNER, Guillaume. Vítimas da moda? como a criamos, por que a seguimos. São Paulo: Senac, 2005, p.256.

STONE, E. The dynamics of fashion. 3ª. ed. New York: fairchild books, 2008, p.617.

BREZET, JC; ROCHA, C. Towards a model for product-oriented environmental management systems. In J. Charter & U. Tischner (Eds.), Sustainable solutions: developing products and services for the future Sheffield: Greenleaf Publishing, 2001, pp. 243-262.

Artigos

BEZERRA, G.M.F; MATOS, C.K.; PESSOA, J.B.G. “O consumo no futuro”. Anais do 7º. Colóquio de Moda, Paraná, 2011, p.7.

NETO, G.;SOUZA, L.;SCAPINELLO, L. “Reflexões sobre a sustentabilidade no segmento de moda”. Anais do 6° Colóquio de moda, 2010, p.10.

CARNEIRO, R.M.S.; FLORES, A. R.B.; QUEVEDO, S.; ULBRITCHT, V.; VANZIN, T. “O novo consumidor na sociedade do conhecimento”. Anais do 2° Simpósio brasileiro de design sustentável, São Paulo, 2009, p.7.

GIURATTI, L. P.; BERTON, T. J. B.; PINHEIRO, N. “Revival e diferenciação como diretrizes da moda contemporânea: a elaboração de produtos de moda a partir da reciclagem de roupas de brechó”. Anais do 7º. Colóquio de moda, Paraná, 2011 p.7.

ANICET, A.; BESSA, P.; BROEGA, C. “Design de superfícies a partir de resíduos industriais têxteis”. Anais do 3o Simpósio Brasileiro e Internacional de Design Sustentável. Pernambuco, 2011, p.7.

SILVA, J. S. G.;SANTOS.A., 2009. “Implicações dos conceitos da sustentabilidade no design: uma revisão crítica”.Revista tecnologia e sociedade, n. 08,Paraná, p.14.

Sites

Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Cadeia Produtiva Têxtil e de Confecções,2012.DistritoFederal.http://www.desenvolvimento.gov.br/sitio/interna/interna.php?area=2&menu=3696>. Acesso em 05 de maio de 2013.

LIVNI, A; SCUDER, F. Manifesto moda lenta. 2010. <http://analivni.com/AnaLivni-MODAlenta-SLOWfashion/filosofia.html>. Acesso em 04 de maio de 2013.

CARTER, Kate.,2008. Why fast fashion is so last season. Disponível em : http://www.theguardian.com/lifeandstyle/2008/jul/23/ethicalfashion.fashion . Acesso on line em 10-09-2014.

MARTINS, S. B.; SAMPAIO, C. P.; MELLO, N. C., 2011. “Moda e sustentabilidade: proposta de sistema produto-serviço para setor de vestuário. projética revista científica de design”. Universidade Estadual de Londrina, v.2, n.1, junho, p.p:126-139. disponível em: <http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/projetica/article/view/10532/9259> acesso online em 05 de maio de 2013.

Ecotece.org.. 2012. Retalhos de maiôs viram vestido de festa. <http://ecotece.org.br/blog/tag/upcycle/>. acesso em 6 de maio de 2013.

RABELO,Ricardo, 2012. “A definição dos indicadores de desempenho e os sistemas de produção”.<http://www.das.ufsc.br/~rabelo/ensino/das5313/materialdas5313/modulo1/indicadores_de_desempenho/tipos-sistemas.pdf>.acesso em 20 de abril de 2013.

Downloads

Publicado

2015-03-15

Como Citar

SOUZA, Nádia Estefânia de; EMIDIO, Lucimar de Fátima Bilmaia. Diferenciação e Sustentabilidade a partir do redesign de roupas de roupas de brechó: um modelo de estratégia produtiva. Modapalavra e-periódico, Florianópolis, p. 024–041, 2015. DOI: 10.5965/1982615x09012015024. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/modapalavra/article/view/6862. Acesso em: 29 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos