Autoridade pedagógica e autoridade tecnológica

conceitos para um diagnóstico do tempo presente

Autores

  • Leonardo Henrique Brandão Monteiro Federal University of São Carlos image/svg+xml

DOI:

https://doi.org/10.5965/1984723823532022186

Palavras-chave:

autoridade pedagógica, autoridade tecnológica, teoria crítica da sociedade, educação, tecnologias

Resumo

Este artigo tem como objetivo discutir criticamente os conceitos de autoridade pedagógica e autoridade tecnológica. Conceitos mobilizados por Antonio Zuin, durante uma carreira dedicada a pesquisar as relações entre a indústria cultural e os processos educativos. A influência das ideias de pensadores da primeira geração da Escola de Frankfurt, sobretudo de Theodor Adorno, sobre a categoria de autoridade docente é percebida na concepção dos conceitos analisados. Entretanto, hoje, esses conceitos dialogam com um mundo no qual há a proliferação de tecnologias digitais, as quais seriam um interposto à consolidação da autoridade pedagógica de outrora, de modo a constituírem uma espécie de autoridade própria, a autoridade tecnológica. As construções teóricas de Antonio Zuin são comparadas com as de outros pesquisadores, de modo que se evidencia a existência de um foco na relação professor-aluno dentro dessa linha analítica. Por fim, esse escrito tensiona os conceitos de autoridade pedagógica e autoridade tecnológica com um contexto caótico e múltiplo de relações professor-aluno, encontrados em escolas públicas, como as do ensino médio paulista a fim de destacar e compreender a potencialidade desses conceitos para se pesquisar o ambiente escolar e as formas como os estudantes se engajam para aprender. Essas reflexões são realizadas a partir da rearticulação dessas categorias analíticas com o conceito de legitimação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ADORNO, Theodor W. Tabus a respeito do professor. In: ZUIN, Antonio Álvaro Soares; PUCCI, Bruno; RAMOS-DE-OLIVEIRA, Newton (org.). Adorno: o poder educativo do pensamento crítico. Petropólis: Editora Vozes, 1999. p. 157-176.

ADORNO, Theodor W. Educação e emancipação. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2002.

ADORNO, Theodor W. Teoria da semiformação. In: PUCCI, Bruno; ZUIN, Antônio Álvaro Soares (org.). Teoria crítica e inconformismo: novas perspectivas de pesquisa. Campinas: Autores Associados, 2010. p. 07-40.

BHABHA, Homi. O local da cultura. Belo Horizonte: Editora UFMG, 1998.

BUFFA, Maurício. O debate enfraquecido: o desânimo dos educadores diante da realidade cotidiana das escolas. 2014. Universidade Federal de São Carlos: [S. l.], 2014.

CALÁBRIA, Ana Paula V. N.; FREITAS, Nivaldo Alexandre De. O uso de recursos tecnológicos e sua influência na formação do estudante. Nuances: Estudos Sobre Educação, Presidente Prudente, v. 30, n. 1, p. 28-46, 2019.

CÂMARA, Rodrigo Siqueira; FRANCISCATTI, Kety Valéria Simões. A psicologia social de Theodor Adorno na produção brasileira (1984-2015). Psicologia e Sociedade, Recife, v. 28, n. 3, p. 537-551, 2016. DOI: 10.1590/1807-03102016v28n3p537. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/1807-03102016v28n3p537. Acesso em: 17 mar. 2021.

CARLOTTO, Mary Sandra. Síndrome de Burnout em professores: prevalência e fatores associados. Psicologia: Teoria e Pesquisa [Online], v. 27, n. 4, p. 403-410, 2011. DOI: 10.1590/S0102-37722011000400003. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722011000400003&lng=pt&tlng=pt. Acesso em: 31 ago. 2022.

CASTRO, Camila Sandim De; ZUIN, Antônio Álvaro Soares. Indústria cultural e distração concentrada: as plataformas digitais e o ensino personalizado. Comunicações, Piracicaba, v. 25, n. 2, p. 79, 2018. DOI: 10.15600/2238-121x/comunicacoes.v25n2p79-94. Disponível em: https://www.metodista.br/revistas/revistas-unimep/index.php/comunicacoes/article/view/3433. Acesso em: 09 nov. 2022.

COMENIUS. Didática magna. São Paulo: Martins Fontes, 1997.

CONTE, Elaine; HABOWSKI, Adilson Cristiano. A autoridade do educador no cenário tecnológico: interlocuções freireanas. Revista Interinstitucional Artes de Educar, Rio de Janeiro, v. 4, n. 2, p. 406, 2018. DOI: 10.12957/riae.2018.38035. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/riae/article/view/38035. Acesso em: 09 nov. 2022.

CONTE, Elaine; HABOWSKI, Adilson Cristiano. Communication action in education as a device and epistemic authority to technological praxis. Educacao e Sociedade, Campinas, v. 40, p. 1-16, 2019. DOI: 10.1590/es0101-73302019193424. Disponível em: https://doi.org/10.1590/ES0101-73302019193424. Acesso em: 09 nov. 2022.

CROCHÍK, José Leon. A forma sem conteúdo e o sujeito sem subjetividade. Psicologia USP, São Paulo, v. 21, n. 1, p. 31-46, 2010. DOI: 10.1590/S0103-65642010000100003. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0103-65642010000100003. Acesso em: 09 nov. 2022.

DEBORD, Guy. A sociedade do espetáculo: comentários sobre a sociedade do espetáculo. Lisboa: Edições antipáticas, 2005.

DELEUZE, Gilles. Conversações. São Paulo: Editora 34, 2013.

DIAS, Rosilãna Aparecida; LEITE, Lígia Silva; BATISTA, Deniele Pereira. A compreensão dos alunos sobre o professor e do tutor na educação a distância. In: CATEGORIA: PESQUISA E AVALIAÇÃO 2010, Juiz de Fora. Anais [...]. Juiz de Fora: ANPED, 2010. p. 1-10.

DUARTE, Newton. As pedagogias do aprender a aprender e algumas ilusões da assim chamada sociedade do conhecimento. Revista Brasileira de Educação [Online], v. 18, p. 35-40, 2001. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rbedu/a/KtKJTDHPd99JqYSGpQfD5pj/?format=pdf&lang=pt. Acesso em: 26 ago. 2022.

GRUSCHKA, Andreas; ZUIN, Antônio Álvaro Soares. A invasão do smartphone na sala de aula – sobre a autoridade do professor, violência, o privado e o público no ensino. Devir Educação, Lavras, v. 4, n. 1, p. 199-221, 2020. DOI: 10.30905/ded.v4i1.174. Disponível em: http://devireducacao.ded.ufla.br/index.php/DEVIR/article/view/174. Acesso em: 09 nov. 2022.

HABOWSKI, Adilson Cristiano; CONTE, Elaine. Cultura digital versus autoridade pedagógica. Linhas Críticas, Brasília, v. 24, p. 494-517, 2018. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/linhascriticas/article/view/18993. Acesso em: 09 nov. 2022.

KYRIACOU, Chris; ZUIN, Antônio Álvaro Soares. Cyberbullying of teachers by students on YouTube: challenging the image of teacher authority in the digital age. Research Papers in Education [Online], v. 31, n. 3, p. 255-273, 2015a. DOI: 10.1080/02671522.2015.1037337. Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/full/10.1080/02671522.2015.1037337. Acesso em: 09 nov. 2022.

KYRIACOU, Chris; ZUIN, Antônio Álvaro Soares. Characterizing the cyberbullying of teachers by pupils. Psychology of Education Review [Online], v. 39, p. 26-30, 2015b. Disponível em https://shop.bps.org.uk/the-psychology-of-education-review-vol-39-no-2-autumn-2015. Acesso em: 09 nov. 2022.

LAVAL, Christian. La escula no es una empresa: El ataque neoliberal a la enseñanza pública. Barcelona: Paidós, 2004.

OLIVEIRA, Alessandro E.; ZUIN, Antônio Álvaro Soares. Alunos e professores no Orkut: a educação escolar na arena ciberespacial. Linhas Críticas, Brasília, v. 17, p. 561-582, 2011.

PEREIRA, Antônio Igo Barreto; ZUIN, Antônio Álvaro Soares. Autoridade enfraquecida, violência contra professores e trabalho pedagógico. Educar em Revista, Curitiba, v. 35, n. 76, p. 331-351, 2019.

POSTMAN, Neil. O desaparecimento da infância. Rio de Janeiro: Graphia Editorial, 2005.

PUCCI, Bruno. A escola e a semiformação mediada pelas novas tecnologias. In: (UNIMEP, org.). COLÓQUIO INTERNACIONAL TEORIA CRÍTICA E EDUCAÇÃO, 1,2004, Piracicaba. Anais [...]. Piracicaba: UNIMEP, 2004. Disponível em: http://www.unimep.br/~bpucci/a-escola-e-a-semiformacao.pdf. Acesso em: 09 nov. 2022.

PUCCI, Bruno. Prefácio. In: ZUIN, Antônio Álvaro Soares (org.). Fúria narcísica de alunos contra professores: as práticas de cyberbullying e os tabus sobre a profissão de ensinar. São Carlos: EDUFSCAR, 2021.

ROSA, Hartmut. Aceleração: a transformação das estruturas temporais na modernidade. São Paulo: Editora UNESP, 2019.

SIBILIA, Paula ¿Redes o paredes?: la escuela en tiempos de dispersión. Buenos Aires: Tinta Fresca, 2012.

SILVA, Andrea de Lourdes; RODRIGUES, Luciana Azevedo; FARIAS, Márcio Norberto. Uma Abordagem Filosófica da Condição do Educador na EaD. In: ANPED, 36, 2014, São João Del Rey. Anais [...]. São João Del Rey: ANPED, 2014, p. 1-10.

SPENCER, Martin E. Weber on legitimate norms and authority. The British Journal of Sociology [Online], v. 21, n. 2, p. 123, 1970. DOI: 10.2307/588403. Disponível em: https://www.jstor.org/stable/588403#metadata_info_tab_contents. Acesso em: 09 nov. 2022.

TÜRCKE, Christoph. Sociedade excitada: filosofia da sensação. Campinas: Editora UNICAMP, 2010.

WEBER, Max. Grandes cientistas sociais. São Paulo: Ática, 2003.

WEBER, Max. A “objetividade” do conhecimento nas ciências sociais. São Paulo: Ática, 2006.

YOUNG, Michael. Por que o conhecimento é importante para as escolas do século XXI? Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 46, n. 159, p. 18-37, 2016. DOI: 10.1590/198053143533. Disponível em: https://publicacoes.fcc.org.br/cp/article/view/3533#:~:text=Em%20vez%20de%20considerar%20o,se%20deve%20ser%20“libertado”. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares; Industrialização da cultura. Revista Brasileira de estudos pedagógicos, Brasília, v. 76, n. 182/183, p. 171-199, 1995.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. A indústria cultural e a formação dissimulada: aspectos psicológicos da experiência educacional danificada. Campinas: Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), 1998.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. Sobre a atualidade dos tabus com relação aos professores. Educação e Sociedade, Campinas, v. 24, n. 83, p. 417-427, 2003a. DOI: 10.1590/s0101-73302003000200005. Disponível em: https://www.scielo.br/j/es/a/6vh6SG3MNBfnyk9XKz3tDry/?lang=pt&format=pdf. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. O corpo como publicidade ambulante. Perspectiva, Florianopólis, v. 21, n. 1, p. 39-53, 2003b.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. Educação a distância ou educação distante? o programa universidade aberta do Brasil, o tutor e o professor virtual. Educação e Sociedade, Campinas, v. 27, n. 96, p. 935-954, 2006. DOI: 10.1590/S0101-73302006000300014. Disponível em: https://www.scielo.br/j/es/a/LMsrPDLkf3zyJ3bJJd7YMMJ/abstract/?lang=pt. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. A educação de Sísifo: sobre ressentimento, vingança e Amok entre professores e alunos. Educacao e Sociedade, Campinas, v. 29, n. 103, p. 583-606, 2008.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. O Orkut e as representações dos alunos sobre os professores. Revista Teias, Rio de Janeiro, v. 10, n. 19, p. 0-19, 2009. DOI: 10.12957/teias.2009.24059. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/revistateias/article/view/24059. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. O plano nacional de educação e as tecnologias da informação e comunicação. Educação e Sociedade, Campinas, v. 31, n. 112, p. 961-980, 2010a. DOI: 10.1590/s0101-73302010000300016. Disponível em: https://www.scielo.br/j/es/a/GMWKkPjZRBkd6dg3hJYSPVK/?lang=pt. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. A revolução microeletrônica e a ressignificação do vínculo professor-aluno. Impulso, Piracicaba, v. 20, p. 41-50, 2010b.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. Copiar, colar e deletar: a internet e a atualidade da semiformação. Pro-Posições, Campinas, v. 24, n. 3, p. 139-159, 2013a. DOI: 10.1590/s0103-73072013000300009. https://doi.org/10.1590/S0103-73072013000300009. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. A sociedade do espetáculo e a reconfiguração da autoridade pedagógica. Educar em Revista, Curitiba, n. 50, p. 207-222, 2013b. DOI: 10.1590/s0104-40602013000400013. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0104-40602013000400013. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. A cultura digital, a semiformação e o novo elo pedagógico. Revista Inter Ação [Online], v. 39, n. 2, p. 242–256, 2014. DOI: 10.5216/ia.v39i2.31705. https://revistas.ufg.br/interacao/article/view/31705. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. A autoridade pedagógica em tempos de cultura digital. Educação e Filosofia, Uberlândia, v. 29, n. 58, p. 745-769, 2015.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. A cultura digital, o Professor-Criança e o Aluno-Adulto. Revista Educação Pública, Cuiabá, v. 25, n. 59, p. 329–339, 2016. DOI: 10.5216/ia.v39i2.31705.

https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/educacaopublica/article/view/3678. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. Cyberbullying contra professores: dilemas da autoridade dos educadores na era da concentração dispersa. São Paulo: Edições Loyola, 2017. a.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. O YouTube e o Cyberbullying de alunos contra professores around the world. Revista Eletrônica de Educação, São Carlos, v. 11, n. 2, p. 340–350, 2017. b. DOI: 10.14244/198271992136. Disponível em: https://www.reveduc.ufscar.br/index.php/reveduc/article/view/2136. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares. Fúria narcísica entre alunos e professores: as práticas de cyberbullying e os tabus referentes à profissão de ensinar. São Carlos: EDUFSCAR, 2021.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares; GOMES, Luiz Roberto. A formação da subjetividade na Idade Mídia. Revista Eletrônica de Educação, São Carlos, v. 13, n. 2, p. 377–387, 2019.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares; PUCCI, Bruno; LASTÓRIA, Luiz Nabuco. 10 Lições Sobre Adorno. Petropólis: Vozes, 2015.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares; ZUIN, Vânia Gomes. Lembrar para elaborar: reflexões sobre a alfabetização crítica da mídia digital. Pro-Posições, Campinas, v. 28, n. 1, p. 213–234, 2017. DOI: 10.1590/1980-6248-2016-0055. https://doi.org/10.1590/1980-6248-2016-0055. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Antônio Álvaro Soares; ZUIN, Vânia Gomes. A Indústria Cultural na era da Tela Onipresente. Cadernos de Pesquisa: Pensamento Educacional, Curitiba, v. 14, n. 26, p. 89–104, 2019.

ZUIN, Vânia Gomes; ZUIN, Antônio Álvaro Soares. Professores, tecnologias digitais e a distração concentrada. Educar em Revista, Curitiba, n. 42, p. 213–228, 2011. a. DOI: 10.1590/s0104-40602011000500014. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0104-40602011000500014. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Vânia Gomes; ZUIN, Antônio Álvaro Soares. Memória, Internet e Aprendizagem Turbo. Currículo Sem Fronteira, [Online], v. 11, n. 2, p. 221–239, 2011. b. https://biblat.unam.mx/pt/revista/curriculo-sem-fronteiras/articulo/memoria-internet-e-aprendizagem-turbo. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Vânia Gomes; ZUIN, Antônio Álvaro Soares. A formação no tempo e no espaço da internet das coisas. Educação e Sociedade, Campinas, v. 37, n. 136, p. 757–773, 2016. DOI: 10.1590/ES0101-73302016167198. Disponível em: https://doi.org/10.1590/ES0101-73302016167198. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Vânia Gomes; ZUIN, Antônio Álvaro Soares. A indústria cultural algorítmica na era da Internet das Coisas. Educação e Filosofia, [Online], v. 32, n. 66, p. 1131–1156, 2018. a. DOI: 10.14393/revedfil.issn.0102-6801.v32n66a2018-07. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/EducacaoFilosofia/article/view/41478. Acesso em: 09 nov. 2022.

ZUIN, Vânia Gomes; ZUIN, Antônio Álvaro Soares. O celular na escola e o fim pedagógico. Educação e Sociedade, Campinas, v. 39, n. 143, p. 419–435, 2018b.

ZUIN, Vânia Gomes; ZUIN, Antônio Álvaro Soares. A Autoridade Pedagógica Diante Da Tecnologia Algorítmica De Reconhecimento Facial E Vigilância. Educação e Sociedade, Campinas, v. 41, p. 1–15, 2020.

Downloads

Publicado

2022-12-09

Como Citar

MONTEIRO, L. H. B. . Autoridade pedagógica e autoridade tecnológica: conceitos para um diagnóstico do tempo presente. Revista Linhas, Florianópolis, v. 23, n. 53, p. 186 - 216, 2022. DOI: 10.5965/1984723823532022186. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/linhas/article/view/23015. Acesso em: 5 fev. 2023.