A atuação de artistasprofessoras e artistasprofessores na (re)invenção do ato estético

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573102442022e0101

Palavras-chave:

arte educação, ato artístico, ato docente, Bakhtin

Resumo

A atuação de artistasprofessoras e artistasprofessores no âmbito da educação básica tem revelado novas posturas para a compreensão do ato estético no fazer artístico e pedagógico, na dimensão da (re)invenção de uma poética de sala de aula. Nesta pesquisa, conceitos como ato artístico, ato docente, inacabamento e pensamento não-indiferente, foram trabalhados para compreender os processos de construção do ato estético, na perspectiva da Análise Dialógica do Discurso em Bakhtin. Foram analisados também, os dizeres de um artistaprofessor e um estudante sobre a singularização do sujeito nos processos artísticos em sala de aula e suas relações com os aspectos estéticos e culturais. Os resultados demonstraram que a organização das ações artísticas, provenientes de experimentos estéticos, os quais incluíram situações da vida cotidiana, da inter-relação entre pessoas, dos objetos, suas seleções e agrupamentos, foram fundamentais para sintetizar aspectos da criação artística ou da vida vivida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adriana Teles de Souza, Universidade do Rio Grande (FURG)

Pós-doutoranda pela Universidade Federal do Rio Grande (UFRG). Doutorado em Educação pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Mestrado em Educação (UFPR). Especialização em Psicopedagogia e Educação Especial pela Faculdade Guilherme Guimbala. Especialização em Fundamentos do Ensino da Arte pela Universidade Estadual do Paraná (FAP). Licenciatura em Arte pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). Graduação em Artes Cênicas pela Universidade Estadual do Paraná (FAP). Professora do Colégio Estadual do Paraná.

Referências

AMORIM, Marília. O Professor, seu outro e seu corpo – fragmentos de uma experiência no ensino universitário. In: BRAIT, Beth. GONÇALVES, Jean Carlos. (org.). Bakhtin e as artes do corpo. 1ª edição – São Paulo: Hucitec, 2021.

AMORIM, Marília. Nota de capa. In: Linguagem, corpo e estética na educação. GONÇALVES, Jean Carlos. GARANHANI, Camargo Marynelma. GONÇALVES, Michelle Bocchi. (org.). 1ª edição – São Paulo: Hucitec, 2020.

BAKHTIN, Mikhail. Para uma filosofia do ato responsável. Tradução aos cuidados de Valdemir Miotello & Carlos Alberto Faraco. São Paulo: Pedro & João Editores, 2010.

BAKHTIN, Mikhail. Por uma metodologia das ciências humanas [1930 – 40/1975-1979]. In: BAKHTIN, Mikhail. Notas sobre literatura, cultura e ciências humanas. Organização, tradução, posfácil e notas de Paulo Bezerra. Notas da edição russa de Serguei Botcharov. São Paulo: editora 34, 2017.

FAHRER, Lucienne Guedes. Insistir na presença – Tentativas de invenção teatral e pedagógica em isolamento. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v.3, n.42, p.1-31, 2021. DOI: 10.5965/1414573103422021e0116. Acesso em: 12 jan. 2022.

MCMAW, Dick. Para uma filosofia do corpo em movimento. In: BRAIT, Beth. GONÇALVES, Jean Carlos. Bakhtin e as artes do corpo. 1ª edição – São Paulo: Hucitec, 2021.

PEREIRA, Marcelo de Andrade. ICLE, Gilberto. Formação estética e suas [in]definições: do estético e do poético. In: Linguagem, corpo e estética na educação. GONÇALVES, Jean Carlos. GARANHANI, Camargo Marynelma. GONÇALVES, Michelle Bocchi. (org.). 1ª edição – São Paulo: Hucitec, 2020.

SOUZA, Adriana Teles. Do palco à sala de aula: diálogos entre o ato artístico e o ato docente. 2020. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2020.

Downloads

Publicado

2022-09-26

Como Citar

SOUZA, A. T. de. A atuação de artistasprofessoras e artistasprofessores na (re)invenção do ato estético. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 2, n. 44, p. 1-13, 2022. DOI: 10.5965/1414573102442022e0101. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/21567. Acesso em: 30 nov. 2022.