Contexto social, atuação e imagem pública de uma atriz no teatro brasileiro na virada do século XIX: Cinira Polonio

Autores

  • Angela de Castro Reis Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573102212013032

Resumo

A partir do exame de iniciativas como o movimento sufragista, os salões literários e a imprensa feminista brasileiros, o presente artigo analisa a carreira da atriz, dramaturga, dona de companhias teatrais, compositora e maestrina Cinira Polonio (1857-1938), cuja liberdade pessoal e independência, aparentemente incomuns em sua época, já eram compartilhadas com algumas de suas contemporâneas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Angela de Castro Reis, Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA

Doutora em teatro (Unirio), professora Adjunta da Escola de teatro da UFBA, cumprindo Acordo de Colaboração técnica junto à Unirio (2012-2014). Autora dos livros Cinira Polonio, a divette carioca: estudo da imagem pública e do trabalho de uma atriz no teatro brasileiro da virada do século XIX e A tradição viva em cena: Eva todor na Companhia Eva e seus artistas (1940-1963).

Downloads

Publicado

2013-12-14

Como Citar

REIS, Angela de Castro. Contexto social, atuação e imagem pública de uma atriz no teatro brasileiro na virada do século XIX: Cinira Polonio. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 2, n. 21, p. 032–038, 2013. DOI: 10.5965/1414573102212013032. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/1414573102212013032. Acesso em: 19 jun. 2024.

Edição

Seção

Dossiê Temático: Teatro, gênero e feminismos