Manipulador: uma relação entre espaço, luz e objeto

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573101372020211

Palavras-chave:

Arte e visualidade, luz, iluminador, manipulador de luz

Resumo

Este trabalho tem como objetivo discutir uma poética baseada na luz como materialidade a ser manipulada pelo artista, para compor espaços de luz e de visualidades, em ambientes expositivos. Por meio de objetos em situações de propagação da luz, a discussão transita não só por questões que identificam o potencial da luz a fim de modificar o ambiente, como também propõem o artista como um manipulador de objetos/luz. Além disso, a pesquisa se baseia no levantamento de discussões acerca de trabalhos em que a luz protagoniza o acontecimento artístico e propõe também ampliação de perspectivas da ação do artista como um manipulador, envolvido em um processo poético, no contexto da arte contemporânea.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rafael Cardoso Jacinto, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

Mestrado em Artes Visuais - Poéticas Visuais pela Universidade Federal de Santa Maria (PPGART -UFSM/2019).

Graduado em Teatro-Licenciatura pela (UFSM/2014)

Professor substituto do Departamento de Artes Cênicas da Universidade Federal de Santa Maria.(2019/atual)

 

 

Rebeca Lenize Stumm, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

Doutorado em Artes - Poéticas Visuais pela ECA- Universidade de São Paulo (USP-2011), Mestrado em Educação (UFSM-2001) e Graduação em Artes Plásticas Ênfase - Escultura pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS-1993), É Professora no curso de Artes Visuais, Graduação e Pós-Graduação da Universidade Federal de Santa Maria ( UFSM). 

Referências

ALLOA, Emmanuel. Pensar a imagem. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2015.

ARCHER, Michael. Arte Contemporânea: uma história concisa. São Paulo: Martins Fontes, 2001.

BARROS, Anna Maria de carvalho. A arte da Percepção: Um namoro entre a luz e o espaço. São Paulo: Annablume editora, 1999.

CAMARGO, Roberto G. Conceito de Iluminação Cênica. Rio de Janeiro: Música & Tecnologia, 2012.

CAMARGO, Roberto G. Função Estética da Luz. São Paulo: Perspectiva, 2012.

COIMBRA, Eduardo./ textos Glória Ferreira, Adolfo Monteijo Navas, Ligia Canongia, João mondé, Eduardo Coimbra: versão para o Inglês, Steve Berg e Paulo Andrade Lemos – Rio de Janeiro: Casa da Palavra,2004.

DIDI-HUBERMANN, Georges. O que vemos, o que nos olha. São Paulo: Editora 34, 1998.

DULTRA, Pedro. Em_Cena O Iluminador. Ipatinga: Música & Tecnologia, 2012.

FERREIRA, A.B.H. Novo Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa. 4.ed. Curitiba: Ed. Positivo:2009

OITICICA. Hélio. Parangolé Coletivo [atribuído]. Manuscrito. 08/07/1967. PHO 0106/67

PEREZ, Valmir. P415d Desenho de iluminação de palco: pesquisa, criação e execução de projetos. / Valmir Perez. – Campinas, SP: [s.n.], 2007. Orientador: José Eduardo Ribeiro de Paiva. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Artes.

REY, Sandra. Por uma abordagem metodológica da pesquisa em artes visuais. In BRITES, Blanca; TESSLER. Elida (Org.). O meio como ponto zero: metodologia da pesquisa em artes plásticas. Porto Alegre: E. Universidade/ UFRGS, 2002.p.123-140.

Downloads

Publicado

2020-04-17

Como Citar

JACINTO, R. C.; STUMM, R. L. Manipulador: uma relação entre espaço, luz e objeto. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 1, n. 37, p. 211-227, 2020. DOI: 10.5965/1414573101372020211. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/1414573101372020211. Acesso em: 19 ago. 2022.

Edição

Seção

Dossiê Temático - A LUZ EM CENA: Interfaces e aprendizados