Pequenas distâncias:

entre Richard Long e aborígenes australianos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/2175234613292021188

Palavras-chave:

Arte Contemporânea., Exposição Magiciens de la Terre., Arte não ocidental., Arte aborígene australiana., Richard Long.

Resumo

O presente artigo objetiva debater a aproximação da arte contemporânea internacional de peças oriundas de culturas não ocidentais. Para isso abordamos na exposição Magiciens de la terre, realizada no Centro George Pompidou e no Centre Culturel Grande Halle de la Villette em Paris, entre18 de maio é 14 de agosto de 1989. A obra Círculo de terra vermelha, de Richard Long, 1989, e também a pintura Yam Dreaming, 1989, realizada por artistas da comunidade Yuendumu da Austrália, na região de Alice Spring. Considerando que, na década de 1980, surgia a teoria da pós-colonialidade, e também estudos antropológicos sobre as relações que comunidades aborígenes australianas teriam com seus objetos visuais, surge a indagação sobre de que maneira a teoria da pós-colonialidade teria influenciado a organização da exposição de modo a repercutir no debate sobre como lidamos com objetos visuais de artistas não ocidentais e suas histórias locais.

Biografia do Autor

Ana Camila Maria de Almeida, Universidade de Brasília

Mestranda em Artes Visuais pela Universidade de Brasília, na linha de pesquisa Teoria e História da Arte (PPG-Arte/UnB). 

Referências

ARCHER, Michael, Arte Contemporânea: Uma História Concisa. São Paulo: Martins

Fontes, 2008.

BARBOSA , Iracema . Richard Long, um artesão cósmico. In: 20o Encontro Nacional

da ANPAP, 2011, Rio de Janeiro. Subjetividade, Utopias e Fabulações. Rio de Janeiro:

Anais do Encontro Nacional da ANPAP, 2011. v. 1. p. 3661-3673.

CATTANI, Icleia Borsa. Mestiçagens na Arte Contemporânea. Editora UFRGS, 2010.

CHARBONNIER, Georges. Entretiens avec Claude Lévi- Strauss. 1980.

CONDURU,R. L.T. Arte da África. Arte e Ensaio (UFRJ), v. 30, p. 118-127, 2015.

CONDURU, Roberto Luís Torres. Brasil: terra de mágicos? Universidade do Estado

do Rio de Janeiro - UERJ. 2013.

CORRÊA, Amélia Siegel Corrêa. Artistas ou mágicos? Arte afro-brasileira em

Magicien de la Terre. 42o Encontro Anual da Anpocs. 2012.

GERMANO, Idilva. A Perspectiva Pós-colonial em Homi K. Bhabha. Revista de

Ciências Sociais, v.27, n.l/2, 1996.

GOLDSTEIN, Ilana Seltzer. Autoria, Autenticidade e Apropriação: Reflexões a partir

da pintura aborígine australiana*. 2012.

GOMBRICH, Ernest. História da Arte. Editora: LTS, 1990.

HAUSER, Arnold. História Social da Arte e da Cultura: Os tempos da pré-históricos

Artigo revisado por Douglas da Silva Jorge, graduado em Letras – Língua Inglesa e Respectiva Literatura, pela Universidade de Brasília.

MARTIN, Jean-Humbert. Magiciens de la Terre, Catálogo de Exposição. Musée

National d’art Moderne - Centre Georges Pompidou, editor, Paris, 1989

MONTERO, Paula. Magia e Pensamento Mágico. Série princípios. Editora Ática. São

Paulo. 1990.

HEINICH, Nathalie. Práticas da arte contemporânea: Uma abordagem pragmática

a um novo paradigma artístico* sociologia&antropologia | Rio de Janeiro, v.04.02:

–390, outubro, 2014

Organização: 2 levels – arte & cultura (Brasil-Austrália) e Coo-ee Art Gallery. O

Tempo dos Sonhos: Arte Aborígene Contemporânea da Austrália. Exposição da Caixa

Cultural. Sidney – Austrália, 2017.

LONG, Richard. Entrevista à Claude Gintz. “Richard Long, la vision, le paysage, le

temps”. Paris: Art Press, n.104, 1986.

HOBSBAWM, Eric. Era dos Extremos: o breve século XX: 1914-1991 / Eric

Hobsbawm; tradução Marcos Santarrita; revisão técnica Maria Célia Paoli. — São

Paulo: Companhia das Letras, 1995.

FONSECA, Mônica Eustáquio. “Os loucos anos 20” - O Primitivismo ou a Inscrição

da Terra Braselis” No Concerto Internacional. Cadernos de Arquitetura e Urbanismo,

Belo Horizonte, v. 11, n. 12, p. 99-116, dez. 2004.

SMITH, T. Arte contemporânea: correntes mundiais em transição para além da

globalização. PÓS: Revista do Programa de Pós-graduação em Artes da EBA/UFMG,

p. 146-163, 31 maio 2017.

Downloads

Publicado

2021-01-01