Reflexões sobre a formação e o vínculo entre Professor e Aluno, Mestre e Aprendiz

Autores

  • Tito Lorefice Universidad Nacional de San Martín (Argentina)

DOI:

https://doi.org/10.5965/2595034702142015071

Resumo

O presente artigo produz uma reflexão sobre uma questão recorrente que
costuma inquietar no âmbito do ensino profissional da arte dos bonecos e das formas animadas: é possível descrever o conteúdo e a forma do fazer artístico em nossa arte e comunicá-lo mediante o processo habitual de ensino e aprendizagem? De que maneira o artista formador se vincula com o aluno ou o aprendiz? Talvez seja necessário encontrar novas formas de transmissão, sem nos esquecermos da tradição.

Palavras-chave: Transmigrar. Esvaziar. Póiesis-tekné. Manipulação-interpretação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tito Lorefice, Universidad Nacional de San Martín (Argentina)

Titeriteiro, Diretor, Docente, Músico, Autor. Diretor da
Área de Teatro de Titeres y Objectos da Unviversidad Nacional de San Martín - UNSAM, Argentina. Diretor da Licenciatura em Teatro de Títeres da mesma universidade. Integrou por 23 anos o Grupo de Titeriteiros do
Teatro General San Martín, de Buenos Aires, onde interpretou, foi professor, músico e diretor teatral. Foi Reitor do Instituto de Artes da UNSAM. Preside a Comissão de Formação Profissional da UNIMA.

Downloads

Publicado

2018-03-09

Como Citar

LOREFICE, T. Reflexões sobre a formação e o vínculo entre Professor e Aluno, Mestre e Aprendiz. Móin-Móin - Revista de Estudos sobre Teatro de Formas Animadas, Florianópolis, v. 2, n. 14, p. 071-085, 2018. DOI: 10.5965/2595034702142015071. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/moin/article/view/1059652595034702142015071. Acesso em: 7 ago. 2022.