A Política Educacional Brasileira sitiada: o esperançar da formação docente pelo Programa Residência Pedagógica

Autores

  • Frederico Jorge Saad Guirra Universidade Federal de Mato Grosso image/svg+xml

DOI:

https://doi.org/10.5965/1984723824562023112

Palavras-chave:

BNCC, formação docente, residência pedagógica, estágio supervisionado

Resumo

Na esteira do processo de ruptura democrática, observou-se, no país, uma série de retrocessos, responsáveis pelo aprofundamento das diferenças sociais e da destruição de direitos fundamentais da classe trabalhadora, por meio do desmantelamento de políticas públicas de Estado. A educação brasileira, então, foi atacada, ficando sitiada pela contrarreforma do ensino médio, que deu vida a uma Base Nacional Comum Curricular – BNCC – marcada por forte viés mercadológico e que, somada à Resolução 02/2019, submeteria a formação básica e inicial aos ditames da BNCC, apequenando e controlando os currículos, o ensino, retirando a autonomia de professores e professoras. Nesse cenário, no ano de 2018, surgiu o Programa Residência Pedagógica – PRP –,concatenado ao ideário de reformulação do Projetos Políticos Pedagógicos dos cursos de licenciatura, inclusive do atual modelo dos estágios supervisionados. Dessa forma, o objetivo deste estudo foi trazer elementos para mostrar que a chegada do PRP, muito mais do que o atendimento aos objetivos do setor empresarial da educação,  estabeleceu um caminho possível de diálogo entre o projeto institucional e as redes públicas e particulares de ensino, ampliando o debate entre a Academia e as escolas participantes do programa, fortalecendo a formação docente, ao tempo em que desmistifica a ideia de que o programa surgiu para ocupar o lugar dos estágios nas licenciaturas. Assim, Estágio e PRP somariam forças para pensar e repensar a práxis pedagógica, tendo como principal objetivo o fortalecimento da política de formação de professores no Brasil.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALMEIDA, Jane Soares. Estágio supervisionado em prática de ensino: relevância para a formação ou mera atividade curricular? Revista ANDES, Cidade, v. 13, n. 20, p. 39-42, 1994.

AMARO, Amanda et al. Resistir e esperançar à luz do legado de paulo freire: em xeque a resolução cne/cp 02/2019. Revista da Anfope – Associação Nacional pela Formação de Profissionais da Educação, Cidade, v. X, n. X, p. XX-XX, ano. Disponível em: file:///C:/Users/fredg/Downloads/2.1+Magali+RESISTIR+E+ESPERANC%CC%A7AR+A%CC%80+LUZ+DO+LEGADO+DE+PAULO+FREIRE.pdf. Acesso em: 20 abr. 2023.

BRASIL. Câmara dos Deputados. Projeto de Lei PL 3970/2021. Apensado ao PL 5054/2016. Brasília: A Câmara, 2021. Disponível em: https://www.camara.leg.br/propostas-legislativas/2306550. Acesso em: 8 maio 2023.

BRASIL. Capes. Portaria gab nº 82, de 26 de abril de 2022. [S.l.]: Capes, 2022.

BRASIL. Edital CAPES nº 6/2018. Residência pedagógica. [S.l.]: Capes, 2018. Disponível em: https://www.gov.br/capes/pt-br/acesso-a-informacao/acoes-e-programas/educacao-basica/programa-residencia-pedagogica. Acesso em: 30 abr. 2023.

BRASIL. Edital CAPES nº 01/2020. Residência pedagógica. [S.l.]: Capes, 2020. Disponível em: https://www.gov.br/capes/pt-br/acesso-a-informacao/acoes-e-programas/educacao-basica/programa-residencia-pedagogica. Acesso em: 30 abr. 2023.

BRASIL. Edital CAPES nº 24/2022. Residência pedagógica. [S.l.]: Capes, 2022. Disponível em: https://www.gov.br/capes/pt-br/acesso-a-informacao/acoes-e-programas/educacao-basica/programa-residencia-pedagogica. Acesso em: 30 abr. 2023.

CARDOSO, Nilson Ferreira; GUIRRA, Frederico Jorge Saad; LIMA, Jaqueline Cardoso de. FORPIBID-RP e diretrizes para educação básica e formação de professores(as). Formação em Movimento – Revista da ANPOFE, Cidade: Associação Nacional pela Formação de Profissionais da Educação, v. x , n. x, p. xx-xx, ano. (No Prelo).

DE SOUZA, Larissa Maria ArraiseEt al. Estágio supervisionado e formação inicial: primeiras aproximações com a docência. In: CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO, 7., 2020, Maceió. Anais [...]. Local: Editora, ano. p. xx-xx. Disponível em: file:///C:/Users/fredg/Downloads/TRABALHO_EV140_MD1_SA1_ID5769_12092020185505.pdf. Acesso em: 25 abr. 2023.

DA SILVA, Isabel Cristina Pereira; DE SOUZA, Cristiane Fernandes. As contribuições do programa de residência pedagógica na formação docente dos licenciandos em matemática da ufpb/campus iv. In: CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO, 7, 2020, Maceió. Anais [...]. Local: Editora, ano. p. xx-xx. Disponível em: file:///C:/Users/fredg/Downloads/TRABALHO_EV140_MD1_SA1_ID5769_12092020185505.pdf. Acesso em: 25 abr. 2023.

FELÍCIO, Helena Maria dos Santos; DE OLIVEIRA, Ronaldo Alexandre. A formação prática de professores no estágio curricular. Educar, Curitiba: Editora UFPR, n. 32, p. 215-232, 2008.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia. 35. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1996.

FREITAS, H. C. L. de. Entidades nacionais e movimento nacional em defesa do curso de pedagogia na luta pela formação de professores. In: Formação de professores – blog da Helena, [s.l.], 2021. Disponível em: https://formacaoprofessor.com/2021/06/02/ entidades-nacionais-e-movimento-nacional-em-defesa-do-curso-de-pedagogia-na-luta-pela-formacao-de-professores/. Acesso em: 9 jun. 2021.

FRIGOTTO, Gaudencio. Reforma do ensino médio do (des)governo de Temer: decreta-se uma escola para os ricos e outra para os pobres. Rio de Janeiro: Anped, 2016. Disponível em: http://www.anped.org.br/news/reforma-de-ensino-medio-do-des-governo-de-turno-decreta-se-uma-escola-para-os-ricos-e-outra. Acesso em: 14 abr. 2023.

GONÇALVES, Suzane da Rocha Vieira Gonçalves; MOTA, Maria Renata Alonso; ANADON, Simone Barreto. A Resolução CNE/CP n. 2/2019 e os retrocessos na formação de professores. Revista da anfope – associação nacional pela formação de profissionais da educação, Cidade, v. x, n. x, p. xx-xx, ano. Disponível em: http://costalima.ufrrj.br/index.php/FORMOV/article/view/610/896. Acesso em: 27 abr. 2023.

MANIFESTO PROGRAMA RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA. Entidades se posicionam contrárias à padronização e controle impostos pelo Programa de Residência Pedagógica!: não à BNCC. [S.l.: s.n.], ano. Disponível em: https://www.anped.org.br/sites/default/files/images/manifesto_programa_residencia_pedagogica.pdf. Acesso em: 5 maio 2023.

MACHADO, Luciana de Fátima da Silva Lana; DE JESUS, Dedilene Alves. O Programa de Residência Pedagógica e o desafio de sustentação como política de formação de professores. Instrumento: Rev. Est. e Pesq. em Educação, Juiz de Fora, v. 23, n. 3, p. 472-489, set./dez. 2021. Edição especial.

PIMENTA, Selma Garrido; LIMA, LUCENA, Maria do Socorro. Estágio e docência: diferentes concepções. Revista Poíesis, Cidade, v. 3, n. 3-4, p. 5-24, 2005/2006.

TARDIF, Maurice. Saberes docentes e formação profissional. 2. ed. Petrópolis: Vozes, 2002.

Downloads

Publicado

2023-12-11

Como Citar

GUIRRA, Frederico Jorge Saad. A Política Educacional Brasileira sitiada: o esperançar da formação docente pelo Programa Residência Pedagógica. Revista Linhas, Florianópolis, v. 24, n. 26, p. 112–134, 2023. DOI: 10.5965/1984723824562023112. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/linhas/article/view/24430. Acesso em: 21 fev. 2024.