[ENTRE] Ação Educativa e a Arte Como Experiência

Autores

  • Adriane Kirst UDESC
  • Fábio Wosniak UDESC
  • Juliano Siqueira UDESC

DOI:

https://doi.org/10.5965/24471267232016254

Palavras-chave:

Ação educativa, Arte como experiência, Experiência estética

Resumo

Neste texto, são apresentadas reflexões sobre a concepção de Ação Educativa a partir da perspectiva cartográfica de Gilles Deleuze e Félix Guattari (1987) e do pressuposto de um pensamento através da arte como experiência, baseado em John Dewey (2010). O material educativo serve como dispositivo de diálogo, uma interface entre a exposição Deambulações Sobre Pintura, a Ação Educativa e a Experiência Estética; nele, o visitante do espaço da galeria contribui ativamente na produção de sentido (Rancière, 2014). Os autores concebem que não há uma maneira única de pensar a Ação Educativa e, muito menos, um modo específico de fazer/pensar uma ação educativa, havendo três espaços híbridos: âmbitos das corporalidades, das espacialidades, reunidos com riqueza em ambientações, situações e paisagens a serem usufruídas e recriadas pelos espectadores. Neste sentido, a atitude cartográfica acolhe as concepções do espectador e recria novas maneiras de pensar as obras, propiciando experiências estéticas e um conhecimento autônomo sobre as produções artísticas.

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adriane Kirst, UDESC

Adriane Cristine Kirst Andere de Mello  Possui Bacharelado e Licenciatura em Artes Plásticas pela Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC, Mestrado em Artes Visuais (Ensino) e atualmente cursa o Doutorado em Artes Visuais (Ensino), também pela Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC.

Fábio Wosniak, UDESC

Fábio Wosniak, Doutorando em Artes Visuais na Linha de Pesquisa de Ensino das Artes Visuais PPGAV/UDESC; Mestre em Artes Visuais na Linha de Pesquisa de Ensino das Artes Visuais - PPGAV/UDESC; Pedagogo S.E./2012 FAED/UDESC; Psicanalista; Vice-Coordenador da Rede de Educadores de Museus de Santa Catarina - REM/SC (Gestão 2013-2015), membro/pesquisador do Grupo de Pesquisa Entre Paisagem (UDESC/CNPQ), integrante do Grupo de Estudos Estúdio de Pintura Apotheke (UDESC). Membro/pesquisador do Grupo Arte na Pedagogia (Mackenzie- SP/CNPQ). Atuando principalmente nos seguintes temas: Arte Educação, Arte e Pedagogia, Formação Docente em Artes Visuais. 

Juliano Siqueira, UDESC

Juliano Siqueira, Professor no curso de Licenciatura em Artes Visuais da Universidade Estadual de Londrina. Doutorando em Artes Visuais (UDESC). Mestre em Educação e Artes (UFSM). Bacharel em Escultura e Licenciado em Desenho e Plástica (UFSM).

Referências

BACHELARD. Gaston. A poética do espaço. São Paulo: Martins Fontes, 1993.

DEWEY, John. A Arte como experiência. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

DEWEY, John . Experiência e Educação. Petrópolis, R.J.: Vozes, 2011.

DEWEY, John. A natureza humana e a conduta: introdução à psicologia social. Bauru: Tipografia e livraria Brasil, 1956.

DELEUZE & GUATTARI. Mil platôs: capitalismo e esquizofrenia, v.

IV. Rio de Janeiro: Ed. 34, 1997.

FREEDMAN, K. Enseñar la cultura visual: cirrículum, estética y la vida socialdel arte. Barcelona: Octaedro, 2006

LISPECTOR, C. Um sopro de vida. São Paulo: Círculo do Livro:1978.

MARTINS, Mirian Celeste. Entre [con]tatos, nuvens e chuviscos mediadores. In: MARTINS, Mirian Celeste (org). Pensar juntos a mediação cultural: [entre]laçando experiiencias e conceitos. São Paulo: Terracota Editora, 2014.

RANCIÈRE, Jacques. O espectador emancipado. São Paulo: Martins Fontes, 2014.

KASTRUP, Virgínia. Cartografias Literárias. Em: Políticas da cognição. Porto Alegre:Sulina, 2008.

VARELA, Francisco. Conhecer: as ciências cognitivas - tendências e perspectivas. Lisboa: Instituto Piaget, (s/d).

Downloads

Publicado

2017-01-12

Como Citar

KIRST, A.; WOSNIAK, F.; SIQUEIRA, J. [ENTRE] Ação Educativa e a Arte Como Experiência. Revista Apotheke, Florianópolis, v. 2, n. 3, 2017. DOI: 10.5965/24471267232016254. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/apotheke/article/view/9069. Acesso em: 28 maio. 2022.

Edição

Seção

Notas sobre Experiência

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>