Dupla vedação em silagem de milho na produção de bovinos confinados

Autores

  • Mikael Neumann Universidade Estadual do Centro Oeste
  • Guilherme Fernando Mattos Leão Universidade Federal do Paraná.
  • Leslei Caroline dos Santos Universidade Estadual do Centro Oeste
  • Fabiano Marafon Universidade Estadual do Centro Oeste
  • Eloize Jaqueline Askel Universidade Estadual do Centro Oeste

DOI:

https://doi.org/10.5965/223811711712018100

Palavras-chave:

consumo, características de carcaça, avaliação comportamental, ganho médio diário.

Resumo

O sucesso do sistema de produção de bovinos de corte tem como alicerce a produção de volumoso de qualidade, visto que impacta no maior ou menor desempenho produtivo dos animais e, consequentemente, no retorno econômico ao pecuarista. Nesse contexto, o objetivo do presente estudo foi avaliar o desempenho produtivo, comportamento ingestivo e características de carcaça e dos componentes não-carcaça de novilhos confinados recebendo silagem de milho submetida a dois tipos de vedação, sendo: VC – silagem de milho conservada com polietileno tipo dupla face com espessura de 110 μm (vedação convencional) e DV – silagem de milho conservada com polietileno tipo dupla face com espessura de 110 μm sobreposto a outro polietileno translúcido com espessura de 110 μm (dupla vedação). A determinação da relação volumoso concentrado revelou que o sistema com dupla vedação favoreceu a menor participação da fração concentrada neste tratamento (45,4 vs 48,3%) com consequente aumento no consumo de matéria seca diário e em relação ao peso vivo (10,04 vs 9,28 kg), (2,30 vs 2,21%), respectivamente, e aumento no ganho diário de peso vivo (1,810 vs 1,565 kg). Quanto a avaliação comportamental dos novilhos, aqueles que receberam silagem com sistema de dupla vedação passaram menos tempo em alimentação (3,52 vs 4,60 horas dia-1) e em ruminação (7,07 vs 7,94 horas dia-1) e mais tempo em ócio (13,22 vs 11,28 horas-1). Em relação as características de carcaça e os componentes não-integrantes de carcaça, não houve diferença estatística entre os tratamentos.    Novilhos que receberam silagem com sistema de dupla vedação apresentaram melhor desempenho produtivo.

Biografia do Autor

Guilherme Fernando Mattos Leão, Universidade Federal do Paraná.

Médico veterinário pela UNICENTRO, Mestrando em zootecnia pela UEM.

Referências

BORREANI G & TABACCO E. 2014. Improving corn silage quality in the top layer of farm bunker silos through the use of

a next-generation barrier film with high impermeability to oxygen. Journal of Dairy Science 97: 2415-2426.

BORREANI G et al. 2007. A new oxygen barrier film reduces aerobic deterioration in farm-scale corn silage. Journal of

Dairy Science 90: 4701-4706.

CQFS-RS/SC. 1995. Comissão de Química e Fertilidade do Solo - RS/SC. Recomendações de adubação e calagem

para os estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina. 3.ed. Passo Fundo: SBCS-NRS. 224p.

FERRARETTO LF & SHAVER RD. 2015. Effects of whole-plant corn silage hybrid type on intake, digestion, ruminal

fermentation, and lactation performance by dairy cows through a meta-analysis. Journal of Dairy Science 98: 2662-

MÜLLER L. 1987. Normas para avaliação de carcaça e concurso de carcaças de novilhos. UFSM: Santa Maria. 31p.

NEUMANN M et al. 2008. Componentes de rendimento e características da carne e carcaça de novilhos confinados sob

o efeito do tamanho de partícula e da altura de colheita das plantas de milho na ensilagem. Ciência Rural 38: 423-431.

NEUMANN M et al. 2009. Comportamento ingestivo e de atividades de novilhos confinados com silagens de milho de

diferentes tamanhos de partícula e alturas de colheita. Ciência Animal Brasileira 10: 462-473.

NEUMANN M et al. 2014. Ensilagem: estratégias visando maior produção de leite. In: I Simpósio Brasileiro de

Ruminantes Leiteiros. Anais.... Uberlândia: UFU. p.130-166.

NEUMANN M et al. 2015. Desempenho, digestibilidade de matéria seca e comportamento ingestivo de novilhos

holandeses alimentados com diferentes dietas em confinamento. Semina: Ciências Agrárias 36: 1623-1632.

SIGNORETTI RD et al. 1999. Características quantitativas das partes do corpo não-integrantes da carcaça animal e

desenvolvimento do trato gastrintestinal de bezerros da raça holandesa alimentados com dietas contendo quatro

níveis de concentrado. Revista Brasileira de Zootecnia 28: 875-882.

OBA M & ALLEN MS 2000. Effects of brown mibrib 3 mutation in corn silage on productivity of dairy cows feed two

concentrations of dietary neutral detergent fiber: 1. Feeding behavior in nutrient utilization. Journal of Dairy Science 83:

-1341.

OLIVEIRA MR et al. 2011. Comportamento de novilhos confinados com silagens de milho oriundas de diferentes

estádios de maturação e níveis de concentrado na dieta. Revista Brasileira de Milho e Sorgo 10: 56-65.

SAS INSTITUTE. 1993. SAS/STAT User’s Guide: statistics, version 6. Cary: North Caroline. SAS Institute Inc.

SILVA MSJ et al. 2015. Production technology and quality of corn silage for feeding dairy cattle in Southern Brazil.

Revista Brasileira de Zootecnia 44: 303-313.

SILVA DJ & QUEIROZ AC. 2009. Análise de Alimentos - métodos químicos e biológicos. 3.ed. Viçosa: UFV. 235p.

TILLEY JMA & TERRY RA. 1963. A two-stage technique for the in vitro digestion of forage crops. Grass and Forage

Science 18: 104-111.

WEISS WP et al. 1992. A theoretically based model for predicting total digestible nutrient values of forages and

concentrates. Animal Feed Science and Technology 39:95-110.

Downloads

Publicado

2018-03-16

Edição

Seção

Artigo de Pesquisa - Ciência de Animais e Produtos Derivados