A máscara neutra e Jacques Lecoq: considerações históricas, plásticas e pedagógicas

Autores

  • Ismael Scheffler Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Curitiba, PR

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573102322018279

Resumo

O presente artigo trata sobre a máscara neutra com enfoque principal em Jacques Lecoq. É apresentado o contexto em que Lecoq conheceu a máscara nobre, assim denominada por Jacques Copeau. Também considerada a parceria entre Lecoq e o escultor Amleto Sartori que confeccionou a máscara neutra na técnica em couro. São apresentadas diferentes denominações para este tipo de máscara, dando-se atenção ao sentido de neutralidade. Também são feitas considerações sobre a forma da máscara neutra e da máscara nobre. Por fim, são feitas considerações do uso pedagógico da máscara estabelecendo-se relações da prática de Lecoq com a de Copeau, Charles Dullin, entre outros.

Biografia do Autor

Ismael Scheffler, Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Curitiba, PR

Doutor em Teatro (UDESC); professor na UTFPR.

Downloads

Publicado

2018-09-11

Como Citar

Scheffler, I. (2018). A máscara neutra e Jacques Lecoq: considerações históricas, plásticas e pedagógicas. Urdimento - Revista De Estudos Em Artes Cênicas, 2(32), 279-304. https://doi.org/10.5965/1414573102322018279

Edição

Seção

Sessão Especial - Teatro de Animação: Memórias e Metafóras