Disciplinaridade versus interdisciplinaridade

Autores

  • Fabrizio Montecchi Teatro Gioco Vita - Italia

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573102322018073

Resumo

No meu trabalho não há nenhuma pesquisa sobre um teatro interdisciplinar, porque acho que todas as formas teatrais potencialmente o sejam, e a história do teatro o ensina. O teatro sempre incorporou as novas linguagens emergentes, tornando-as, com o tempo, parte de si mesmo. No meu trabalho, também não há nenhuma pesquisa que vise fundir diferentes disciplinas rumo a um “não-teatro de sombras” ou um “além do teatro de sombras”, que elimina as especificidades do gênero. Ao contrário. No meu trabalho há apenas a necessidade, fortemente sentida por mim, de um teatro de sombras finalmente inscrito e enraizado no presente em que vivo. Uma necessidade urgente de adaptar o teatro de sombras à cultura teatral ocidental, de traduzir os princípios que são o fundamento dessa arte da cena, nas formas e com as possibilidades que são típicas do hoje, histórico e geográfico, no qual vivo.

Biografia do Autor

Fabrizio Montecchi, Teatro Gioco Vita - Italia

Personalidade legendária e estimada do teatro de sombras, Fabrizio Montecchi nasceu em 1960 na Itália, onde estudou arquitetura. Atualmente vive em Piacenza, onde está localizado o Teatro Gioco Vita, companhia para a qual realizou mais de 35 espetáculos. Ele também colaborou com várias prestigiadas instituições de ópera e teatro, incluindo o Scala, de Milão; la Fenice, de Veneza; a Arena, de Verona; a Ópera, de Roma e o Piccolo Teatro, de Milão. Instrutor altamente apreciado, Fabrizio conduziu oficinas e cursos por toda a Europa e regularmente no Instituto Internacional de Marionetes de Charleville-Mézières (França), que lhe concedeu em 2013 o Prêmio de Transmissão – que recompensa um grande mestre das marionetes que tenha trabalhado com gerações mais novas – pela sua generosidade e o rigor de seus ensinamentos. 

Downloads

Publicado

2018-09-11

Como Citar

MONTECCHI, F. Disciplinaridade versus interdisciplinaridade. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 2, n. 32, p. 073-082, 2018. DOI: 10.5965/1414573102322018073. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/1414573102322018073. Acesso em: 25 jul. 2021.

Edição

Seção

Dossiê Temático - Teatro de Animação