Do melodramático ao cômico: O Ébrio, de Gilda de Abreu, encenado por Piquito

Autores

  • Mário Fernando Bolognesi

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573101032000098

Resumo

Do melodramático ao cômico: O Ébrio, de Gilda de Abreu, encenado por Piquito

Biografia do Autor

Mário Fernando Bolognesi

Professor Titular (aposentado) da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Campus de São Paulo (SP). Bolsista em Produtividade e Pesquisa, nível 2, do CNPq. Graduado em Filosofia pela UNESP (1978). Mestre (1988) e Doutor (1996) em Artes/Teatro pela Universidade de São Paulo, USP. Livre-Docente em Estética e História da Arte pela UNESP (2003). Dedica-se ao ensino, orientação e pesquisa no Programa de Pós Graduação em Artes da UNESP, nas áreas de Teatro e Circo, com ênfase nos estudos dos palhaços, da comédia e do cômico circense

Downloads

Publicado

2017-05-27

Como Citar

Bolognesi, M. F. (2017). Do melodramático ao cômico: O Ébrio, de Gilda de Abreu, encenado por Piquito. Urdimento - Revista De Estudos Em Artes Cênicas, 1(3), 098 - 110. https://doi.org/10.5965/1414573101032000098

Edição

Seção

Fluxo Continuo