Um verdadeiro casamento de opostos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/2595034702222020215

Resumo

Resumo: Questões de censura e autocensura são confrontadas através da experiência de Julia Varley na animação de uma máscara de caveira sobre pernas de pau, o Sr. Peanut, e um boneco, a Sheherazade. O Sr. Peanut viaja para diversos países latino americanos, e o artigo lembra de episódios em Ayacucho, no Peru, em Santiago do Chile, e o encontro entre soldados e polícia.

Palavras-chave: Odin Teatret. Teatro de Animação. Censura. Peru. Chile.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Julia Varley, Odin Teatret

Nasceu em Londres, residiu em Milão, onde concluiu seus estudos secundários e universitários e desde 1976 vive na Dinamarca como parte do Odin Teatret, onde trabalhou como atriz em diversas produções e como pedagoga em escolas e universidades. Desde 1990, faz parte da concepção e organização da Escola Internacional de Antropologia Teatral, dirigida por Eugenio Barba, e desde 1986 do Projeto Magdalena. É diretora artística do Festival Transit, em Holstebro. Dirigiu espetáculos em parceria com companhias de diversos países ao redor do mundo. É a editora responsável pela publicação anual The Open Page e autora do romance Viento al Oeste e do livro Piedras de Agua, sobre seu trabalho como atriz do Odin Teatret.

Downloads

Publicado

2020-07-29

Como Citar

VARLEY, J. Um verdadeiro casamento de opostos. Móin-Móin - Revista de Estudos sobre Teatro de Formas Animadas, Florianópolis, v. 1, n. 22, p. 215-231, 2020. DOI: 10.5965/2595034702222020215. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/moin/article/view/2595034702222020215. Acesso em: 7 fev. 2023.