O estímulo à lei do movimento nos bonecos através do relaxamento natural Uma entrevista com o mestre bonequeiro e educador Tan Zhiyuan

Autores

  • Wang Xiaxion Professor do Programa de Teatro de Bonecos da Academia de Teatro de Xangai (China)

DOI:

https://doi.org/10.5965/2595034702142015257

Resumo

Entrevista concedida por Tan Zhiyuan a Wang Xiaoxin. (professor do Programa de Teatro de Bonecos da Academia de Teatro de Xangai, mestre pela Universidade de Pequim, pesquisador especial vinculado à Escola de Teatro da Universidade de Yale). Data e duração da entrevista: 12 de fevereiro de 2015, das 16h às 22h. Local da entrevista: casa de Tan Zhiyuan.

O boneco de varas é uma forma importante de teatro de bonecos na
China. Sua estrutura e suas técnicas de atuação são muito diferentes das
marionetes e dos bonecos de luva. O boneco de varas pode ser manipulado por uma vara principal (ligada à cabeça do boneco) e duas outras varas ligadas às mãos do boneco. Assim, é conhecido como “três varas”. Ele é designado por “varas” por sua semelhança com a bengala. Na China, a companhia mais representativa de bonecos de varas é a Companhia Nacional de Teatro de Bonecos da China, com a qual ele trabalhou.

Palavras Chave: animação, relaxamento, boneco de vara, habilidade do pulso.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Wang Xiaxion, Professor do Programa de Teatro de Bonecos da Academia de Teatro de Xangai (China)

Professor do Programa de Teatro de Bonecos da
Academia de Teatro de Xangai; Mestre pela Universidade de Pequim; Pesquisador Especial vinculado à Escola de Teatro da Universidade de Yale. É especialista sobre teoria do Teatro de Animação.

Downloads

Publicado

2018-03-09

Como Citar

XIAXION, W. O estímulo à lei do movimento nos bonecos através do relaxamento natural Uma entrevista com o mestre bonequeiro e educador Tan Zhiyuan. Móin-Móin - Revista de Estudos sobre Teatro de Formas Animadas, Florianópolis, v. 2, n. 14, p. 257-271, 2018. DOI: 10.5965/2595034702142015257. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/moin/article/view/1059652595034702142015257. Acesso em: 19 ago. 2022.