O Encantado: mediações e diálogos da cultura no processo de criação de Attílio Colnago

Autores

  • Aparecido José Cirillo Universidade Federal do Espírito Santo

DOI:

https://doi.org/10.5965/24471267622020031

Palavras-chave:

porcesso de criação , criação coletiva , artes visuais

Resumo

Este texto trata de aspectos compartilhados do processo criador de Attilio Colnago, em especial para a mostra “O Encantado” (2014). O foco central está nas mediações entre a mente criadora e a cultura que a envolve e que se materializa como imagem geradora. A partir dos pressupostos dos estudos atuais do processo criativo, buscamos evidenciar alguns aspectos da estrutura rizomática que envolve o gesto criador. O texto procura inferir uma análise de um processo criativo que se constitui como uma linguagem de natureza dialógica que revela a dimensão transcultural e transtemporal do discurso artístico de Colnago.

Inferimos que a interlocução estética desse artista, nesta mostra, reopera o vivido a partir de matrizes culturais e conceituais impressas na sua memória e na do público, o que pode ser evidenciado contextos amplos, extra mostra, compartilhados por meio de recursos tecnológicos contemporâneos como o QR Codes. Com isto, busca-se acionar a rede de relações semióticas que nos aproxima das artimanhas dessa mente criadora e dos modos de recepção do público.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Aparecido José Cirillo, Universidade Federal do Espírito Santo

Artista e professor na Universidade Federal do Espírito Santo vinculado ao LEENA-UFES (grupo de pesquisa em Processo de Criação); Professor Permanente do Programa de Mestrado em Artes (PPGA/UFES) e do Programa de Mestrado em Comunicação (PPGCS/UFES); Bolsista Produtividade em Pesquisa (PC-FAPES). Desenvolve pesquisas no campo do processo criativo e das relações arte e cidade, com apoio da FAPES e do CNPQ. Atualmente é Coordenador do Programa de Pós-graduação em Artes da UFES.

 

Referências

CAMPOS, Haroldo de. Da transcriação poética e semiótica da operação tradutora. Belo Horizonte: FALE/UFMG, 2011.

CHIARELLI, Tadeu. Arte internacional brasileira. São Paulo: Lemos, 2002.

KRISTEVA, Julia. História da linguagem. Tradução de Maria Margarida Barahona. São Paulo: Edições 70, 1999

VALERY, Paul. As duas virtudes de um livro. Trad. de Dorothée de Buchard. In: Suplemento Literário de Minas Gerais, n.88, outubro de 2002.

Downloads

Publicado

2020-09-14

Como Citar

CIRILLO, A. J. O Encantado: mediações e diálogos da cultura no processo de criação de Attílio Colnago. Revista Apotheke, Florianópolis, v. 6, n. 2, 2020. DOI: 10.5965/24471267622020031. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/apotheke/article/view/17868. Acesso em: 28 set. 2022.