Farol do Norte: o talento de Lúcia Chedieck e seu pioneirismo feminino em iluminação, de Belém-PA para o mundo

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/27644669020220210801

Palavras-chave:

iluminação cênica, iluminadora nortista, diálogos de iluminação

Resumo

Lúcia Chedieck é natural de Belém - Pará, cenógrafa e light designer que abriu caminhos para outras mulheres investirem na carreira técnica nessa região. Em entrevista para A LUZ EM CENA, expõe algumas experiências e relata seus enfrentamentos diante as adversidades do mercado de trabalho para a mulher no setor técnico cultural e que ainda são comuns nos dias de hoje, discorre também sobre a necessidade de diálogos de formação profissionalizante e a necessidade de vivências para realização de trabalhos em iluminação cênica. Da primeira geração de iluminadoras nortistas, compartilha conosco suas vivências e produções com cenografia e iluminação em arquitetura, artes cênicas e artes plásticas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Camila Barbosa Tiago, Universidade Federal de Uberlândia

Mestre em Artes Cênicas pelo Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN (2017). Especialista em Iluminação e Design de Interiores pelo Instituto de Pós-graduação - IPOG (2015). Graduada em Teatro (licenciatura) pela Universidade Federal de Uberlândia - UFU (2010). É Diretora de Iluminação do curso de Teatro do Instituto de Artes da UFU.

Natasha Kerolen Leite da Silva, Universidade Federal do Pará (UFPA)

Mestra em Artes pela Universidade Federal do Pará - UFPA (2016). Graduada na primeira turma de Licenciatura em Dança da UFPA (2011) e em Design de Interiores da IFPA (2007). Técnica de Iluminação do Teatro Universitário Cláudio Barradas e Coordenadora do Laboratório CENOLUX / TUCB da UFPA.

Downloads

Publicado

2021-12-31

Como Citar

TIAGO, C. B.; SILVA, N. K. L. da. Farol do Norte: o talento de Lúcia Chedieck e seu pioneirismo feminino em iluminação, de Belém-PA para o mundo. A Luz em Cena: Revista de Pedagogias e Poéticas Cenográficas, Florianópolis, v. 2, n. 2, p. 1-20, 2021. DOI: 10.5965/27644669020220210801. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/aluzemcena/article/view/21464. Acesso em: 15 ago. 2022.