TRATAMENTO DA ERLIQUIOSE CANINA DE OCORRÊNCIA NATURAL COM DOXICICLINA, PRECEDIDA OU NÃO PELO DIPROPIONATO DE IMIDOCARB

Autores

  • Marlos Gonçalves Sousa
  • Andrea Cristina Higa
  • Daniel Guimarães Gerardi
  • Mirela Tinucci-Costa
  • Rosângela Zacarias Machado

Palavras-chave:

erliquiose, cão, doxiciclina, imidocarb, terapia.

Resumo

A erliquiose tem despontado como uma das mais importantes enfermidades infecciosas, devido ao aumento da sua prevalência entre os cães. Diversos tratamentos já foram propostos para a doença, sendo que a associação de imidocarb e doxiciclina é rotineiramente empregada, apresentando adequada resposta terapêutica. Entretando, em alguns pacientes, o imidocarb não pode ser utilizado devido aos seus efeitos hepatotóxicos, representando um paradoxo para muitos clínicos. Com o objetivo de avaliar a resposta clínica da doxiciclina, precedida ou não do imidocarb, em casos de erliquiose canina, constituiu-se dois grupos de nove cães, sendo um deles tratado com doxiciclina e o outro com doxiciclina e imidocarb. Observou-se que ambos os tratamentos resultaram em melhora clínica. Assim, concluiu-se que neste estudo, a resposta terapêutica foi indiferente quanto ao uso ou não do imidocarb nos casos de erliquiose canina.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

SOUSA, Marlos Gonçalves; HIGA, Andrea Cristina; GERARDI, Daniel Guimarães; TINUCCI-COSTA, Mirela; MACHADO, Rosângela Zacarias. TRATAMENTO DA ERLIQUIOSE CANINA DE OCORRÊNCIA NATURAL COM DOXICICLINA, PRECEDIDA OU NÃO PELO DIPROPIONATO DE IMIDOCARB. Revista de Ciências Agroveterinárias, Lages, v. 3, n. 2, p. 126–130, 2004. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/agroveterinaria/article/view/5425. Acesso em: 21 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigo Completo - Ciência de Animais e Produtos Derivados

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)