Retoques sobre O juiz de paz da roça, de Martins Pena

Rafael Loureiro de Almeida

Resumo


Recentes descobertas a respeito de uma das farsas mais icônicas do teatro brasileiro são expostas nesse ensaio, a fim de propor novas reflexões acerca de sua elaboração. A partir da análise dos artigos de Darcy Damasceno, o principal pesquisador de Martins Pena, encontramos uma série de informações que nos permitem ampliar a compreensão sobre a peça. Além disso, ao consultar a coletânea de Martins Pena no acervo de Darcy Damasceno, encontramos algumas anotações que revelam suas últimas interpretações, o que inclui trechos antes desconhecidos.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5965/1414573102232014160



Direitos autorais



 

    

 

Indexadores

 

       


Urdimento – Revista de Estudos em Artes Cênicas - Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) - Centro de Artes (CEART) - Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas - (PPGT) – E-ISSN: 2358.6958 - Endereço: Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC, Centro de Artes - Av. Madre Benvenuta, 2007, Itacorubi. Florianópolis. SC, Brasil. CEP: 88.035-001 – E-mail: urdimento.ceart@udesc.br

Licença Creative Commons

  Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.