Miniguia de contação de história para professores de primeira viagem: uma análise prévia explorando as suas potencialidades

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/2357724X112023e0110

Palavras-chave:

Contação de história, Educação Matemática, Ensino e aprendizagem, Material auxiliar, Práticas pedagógicas

Resumo

O presente trabalho busca apresentar as motivações, características e potencialidades do Produto Educacional Miniguia de contação de histórias para professores de primeira viagem, explorando a relevância das contações de histórias na área da educação, em particular na disciplina de matemática, e a sua influência no processo de ensino e aprendizagem. Nesta perspectiva, o Produto Educacional desenvolvido se apresenta como um recurso complementar para apoiar educadores que se sintam desafiados a empregar a narração de histórias em suas aulas, com sugestões e exemplificações de histórias com teor matemático adaptadas para variados grupos etários de estudantes, além de planos de aula envolvendo as narrativas apresentadas, com o intuito de fornecer um possível ponto de partida para o docente que considere utilizá-los. Por meio de uma investigação de natureza exploratória e com abordagem mista, procurou-se realizar um levantamento de informações junto a professores de matemática em exercício, com o objetivo de compreender as perspectivas desses profissionais em relação ao recurso apresentado, a fim de identificar os ganhos e os obstáculos associados ao uso desse material didático na sala de aula. Na análise dos dados, notou-se as barreiras na implementação desse método, contrastadas com as vantagens que uma contação de histórias bem feita pode proporcionar no processo de aprendizado. O recurso educacional fornecido aos professores de matemática participantes trouxe uma abordagem inovadora para muitos deles, e espera-se que ele sirva de suporte e estímulo para que essa prática seja mais disseminada e aplicável nas aulas de matemática em diferentes níveis de ensino.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Murilo Campigotto de Oliveira, Rede privada de ensino de Joinville/SC

Mestrando em Ensino de Ciências, Matemática e Tecnologias pela  Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Professor da Rede Privada de Ensino, Joinville/SC/Brasil.

Fabíola Sucupira Ferreira Sell, Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC)

Doutora em Linguística pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Professora Associada, UDESC (PPGECMT) -  Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências, Matemática e Tecnologias, Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Joinville/SC/Brasil.

Referências

ARAUJO, Wellington Rabello de et al. Aprendizagem matemática por meio de contação de histórias. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE ENSINO DE MATEMÁTICA, v. 7, Canoas, 2017.

CARDOSO, Ana Lúcia Sanches; FARIA, Moacir Alves de. A contação de histórias no desenvolvimento da educação infantil. Revista Eletrônica Saberes da Educação, vol. 7, n. 1. São Roque, 2016.

OLIVEIRA, Murilo Campigotto de. Contação de histórias em aulas de matemática: um miniguia destinado a auxiliar e inspirar professores. 2022. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Matemática) – Universidade do Estado de Santa Catarina, Joinville, 2022.

ROEDEL, Tatiana. A importância da leitura e da literatura no ensino da matemática. ENCONTRO BRASILEIRO DE ESTUDANTES DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA, v. 20, p. 1-8, Curitiba, 2016.

SMOLE, Kátia Stocco; C NDIDO, Patrícia Terezinha; STANCANELLI, Renata. Matemática e literatura infantil. 2 ed. Belo Horizonte: Lê, 1995.

ZAGO, Ilisane Winhar Pereira. META – Método Ativo para Produção Textual. 2022. Dissertação de Mestrado (Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências, Matemática e Tecnologias) – Universidade do Estado de Santa Catarina, Joinville, 2022.

Downloads

Publicado

2023-12-30

Como Citar

CAMPIGOTTO DE OLIVEIRA, Murilo; SUCUPIRA FERREIRA SELL, Fabíola. Miniguia de contação de história para professores de primeira viagem: uma análise prévia explorando as suas potencialidades. Revista BOEM, Florianópolis, v. 11, p. e0110, 2023. DOI: 10.5965/2357724X112023e0110. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/boem/article/view/24863. Acesso em: 24 fev. 2024.

Edição

Seção

Discussões sobre produtos educacionais: ensino de ciências, matemática e tecnologias