Políticas e poéticas de memória: olhares e travessias

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/21751803ne2021e0104

Resumo

Com base em reflexões de autores como Andreas Huyssen, Maria Angélica Melendi, Paola Helena Acosta Sierra e Diana Taylor, são discutidas algumas formas de intervenção no espaço público que, contemporaneamente, operam com a memória (muito especialmente, a memória traumática) e lançam mão de formas expressivas ou atos performativos que, por sua vez, articulam poéticas e políticas. Examina-se, mais detidamente, o projeto “Re(vi)vendo Êxodos”, experiência brasileira na área de educação que, inspirada em uma exposição fotográfica de Sebastião Salgado, tem proposto há 2 décadas percursos de formação criativos e renovadores, baseados em trabalhos de campo e, muito especialmente, em 2 atos performativos: fotografar e caminhar. Uma experiência que articula o performar e o formar, assim como a produção intensa de vetores de memória (como os registros documentais fotográficos) em associação com dimensões incorporadas (coletivas e individuais) da memória.

Palavras-chave: memória; fotografia; caminhada; Sebastião Salgado; educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Janice Gonçalves, Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC)

Doutora em História pela Universidade de São Paulo (USP). 
Professora do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC)

Referências

A SECRETARIA de Cultura divulga o resultado oficial do V Prêmio José Aparecido de Oliveira. In: SECRETARIA DE CULTURA DO DISTRITO FEDERAL, Brasília, 5 dez. 2012. Disponível em: http://www.cultura.df.gov.br/a-secretaria-de-cultura-divulga-o-resultado-oficial-do-v-premio-jose-aparecido-de-oliveira/. Acesso em: 13 mar. 2021.

ACOSTA SIERRA, Paola Helena. Justicia [poética] y memoria [inquietante]. Bogotá: Universidad Pedagogica Nacional, 2019.

BAPTISTA, Luís Guilherme. Memória: capítulo 1, 2001. Revista Caminhos – o melhor do Brasil, Brasília, n. 1, p. 50-51, maio 2017. Disponível em: https://issuu.com/revistacaminhos/docs/edicao1. Acesso em: 23 fev. 2021.

BAPTISTA, Luís Guilherme. Memória. Revista Caminhos – o melhor do Brasil, Brasília, n. 3, p. 68-69, dez. 2019. Disponível em: https://issuu.com/revistacaminhos/docs/edicao3. Acesso em: 23 fev. 2021.

BAPTISTA, Luís Guilherme. Memórias 2002-2003. Revista Caminhos – o melhor do Brasil, Brasília, n. 2, p. 59-60, jun. 2018. Disponível em: https://issuu.com/revistacaminhos/docs/edicao2. Acesso em: 23 fev. 2021.

BAPTISTA, Luís Guilherme. Projeto Re(vi)vendo Êxodos: uma vivência em patrimônio, identidade e meio ambiente na escola pública. In: FÓRUM NACIONAL DO PATRIMÔNIO CULTURAL, 1., 2009, Ouro Preto. Anais [...]. Brasília: Iphan, 2012. v. 2. p. 173-179. Sistema Nacional de Patrimônio Cultural – desafios, estratégias e experiências para uma nova gestão

BENJAMIN, Walter. A imagem de Proust [1929]. In: BENJAMIN, Walter. Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e história da cultura. São Paulo: Brasiliense, 1985. (Obras escolhidas, v. 1). p. 36-49.

BERGER, John. Para entender uma fotografia. In: BERGER, John. Para entender uma fotografia. Introd. e org. Geoff Dyer. São Paulo: Companhia das Letras, 2017a. p. 36-41.

BERGER, John. Uma tragédia do tamanho do planeta – conversa com Sebastião Salgado. In: BERGER, John. Para entender uma fotografia. Introd. e org. Geoff Dyer. São Paulo: Companhia das Letras, 2017b. p. 207-215.

BOURDIEU, Pierre. Os ritos de instituição. In: BOURDIEU, Pierre. A economia das trocas linguísticas: o que falar quer dizer. São Paulo: Edusp, 1998. p. 97-106.

CARERI, Francesco. Caminhar e parar. São Paulo: Gustavo Gili, 2017.

CARVALHO, Marilene Lara. Memória – Casulo de caminhantes. Revista Caminhos – o melhor do Brasil, Brasília, n. 4, 2020. Disponível em: https://www.revistacaminhos.org/memoria-casulo-de-caminhantes.html. Acesso em: 23 fev. 2021.

DOSSIÊ Caminhada 2016 - Cristal-Tradição-Resistência. Revista Caminhos – o melhor do Brasil, Brasília, n. 0, p. 22-39, nov. 2016. Disponível em: https://issuu.com/revistacaminhos/docs/edicao0. Acesso em: 23 fev. 2021.

EL ATAQUE contra la AMIA: memoria activa deja la plaza Lavalle: considera agotado el reclamo callejero. La Nación, 28 dic. 2004. Disponível em: https://www.lanacion.com.ar/sociedad/memoria-activa-deja-la-plaza-lavalle-nid666682/ Acesso em: 15 mar. 2021.

GALARD, Jean. Beleza exorbitante: reflexões sobre o abuso estético. São Paulo: Ed. Fap-Unifesp, 2012.

GONÇALVES, Janice. Além da superfície: memória da dor, materialidade e patrimônio cultural. In: FRAGA, Hilda Jaqueline; SCHIAVON, Carmen G. B.; GASTAUD, Carla R. (org.). Patrimônio no plural: práticas e perspectivas investigativas. Porto Alegre: Selbach & Autores Associados, 2018. p. 77-94.

HUYSSEN, Andreas. A cultura da memória em um impasse: memoriais em Berlim e Nova York. In: HUYSSEN, Andreas. Culturas do passado-presente: modernismos, artes visuais, políticas da memória. Rio de Janeiro: Contraponto: Museu de Arte do Rio, 2014a. p. 139-153.

HUYSSEN, Andreas. O teatro de sombras como veículo da memória em William Kentridge e Nalini Malani. In: HUYSSEN, Andreas. Culturas do passado-presente: modernismos, artes visuais, políticas da memória. Rio de Janeiro: Contraponto: Museu de Arte do Rio, 2014b. p. 57-82.

IPHAN. Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade – 28ª edição. Brasília: Iphan, 2015. Disponível em: https://www.gov.br/iphan/pt-br/acoes-e-programas/premios/premio-rodrigo-melo-franco-de-andrade-1/REVISTA_PRMFA_2015.pdf. Acesso em: 23 fev. 2021.

KURY, Mário da Gama. Apresentação. In: ARISTÓTELES. Política. 3. ed. Trad., introd. e notas Mário da Gama Kury. Brasília: Ed. da UnB, 1997. p. 5-12.

LE GOFF, Jacques. Documento/monumento. In: LE GOFF, Jacques. História e memória. 4. ed. Campinas, SP: Ed. da UNICAMP, 1996. p. 535-553.

MAIA, Paulo. Olhar, memória, imaginário em Sebastião Salgado. Scriptorium, Porto Alegre, v. 3, n. 2, p. 192-202, jul./dez. 2017. Disponível em: https://revistaseletronicas.pucrs.br/index.php/scriptorium/article/download/29180/16721/. Acesso em: 22 fev. 2021.

MELENDI, Maria Angélica. Antimonumentos: estratégias da memória (e da arte) numa era das catástrofes. In: SELIGMANN-SILVA, Márcio (org.). Palavra e imagem, memória e escritura. Chapecó: Argos, 2006. p. 227-245.

PARQUE de la Memoria. In: PARQUE DE LA MEMORIA. [Buenos Aires], 2021. Disponível em: https://parquedelamemoria.org.ar/. Acesso em: 15 mar. 2021.

QUAL a escola que queremos? - Prêmio Gestão Escolar 2012. In: FUNDAÇÃO SANTILLANA. Brasília: CONSED, 2012. Disponível em: https://www.fundacaosantillana.org.br/wp-content/uploads/2019/12/59_qual_escola_queremos.pdf. Acesso em: 15 mar. 2021.

QUEM somos. Revista Caminhos – o melhor do Brasil, Brasília, n. 0, p. 7, nov. 2016. Disponível em: https://issuu.com/revistacaminhos/docs/edicao0. Acesso em: 23 fev. 2021.

RE(VI)VENDO Êxodos recebe menção honrosa no IV Prêmio José Aparecido de Oliveira. In: EDUCAÇÃO PATRIMONIAL. [S.l.], 15 dez. 2011. Disponível em: http://educacaopatrimonial.wordpress.com/2011/12/15/revivendo-exodos-recebe-mencao-honrosa-no-iv-premio-jose-aparecido-de-oliveira/. Acesso em: 23 fev. 2021.

ROUSSO, Henry. A última catástrofe: a história, o presente, o contemporâneo. Rio de Janeiro: FGV Ed., 2016.

SALGADO, Sebastião. Êxodos. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.

SALGADO, Sebastião; FRANCQ, Isabelle. Da minha terra à Terra. São Paulo: Paralela, 2014. E-book.

SOARES, Yuri. Uma catarse necessária. Revista Caminhos – o melhor do Brasil, Brasília, n. 2, p. 58-59, jun. 2018. Disponível em: https://issuu.com/revistacaminhos/docs/edicao2. Acesso em: 23 fev. 2021.

SODARO, Amy. Exhibiting atrocity: memorial museums and the politics of past violence. New Brunswick: Rutgers University Press, 2018.

SODARO, Amy. Museus memoriais: a emergência de um novo modelo de museu. PerCursos, Florianópolis, v. 20, n. 44, p. 207-231, 2019. Disponível em: https://www.periodicos.udesc.br/index.php/percursos/article/view/1984724620442019207/pdf. Acesso em: 28 fev. 2021.

SONTAG, Susan. Diante da dor dos outros. São Paulo: Companhia das Letras, 2003.

TAYLOR, Diana. O arquivo e o repertório: performance e memória cultural nas Américas. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 2013.

VILLARREAL, Pollyanna. Exposição em Pirenópolis comemora 20 anos do Re(vi)vendo Êxodos. In: BSB CAPITAL. Brasília, 23 fev. 2020. Disponível em: https://www.bsbcapital.com.br/exposicao-em-pirenopolis-comemora-20-anos-do-revivendo-exodos/. Acesso em: 10 mar. 2021.

Publicado

2021-10-06

Como Citar

GONÇALVES, J. Políticas e poéticas de memória: olhares e travessias. Revista Tempo e Argumento, Florianópolis, p. e0104, 2021. DOI: 10.5965/21751803ne2021e0104. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/tempo/article/view/21751803ne2021e0104. Acesso em: 26 out. 2021.