A história de vida de duas professoras de música das Escolas Parque de Brasília: construção de laços pelas experiências

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/2525530406012021e0105

Palavras-chave:

Educação Musical, Pesquisa (auto)biográfica, Histórias de Vida de professores de música das Escolas Parque de Brasília/DF

Resumo

O presente trabalho consiste num recorte de uma pesquisa concluída que teve como tema “Histórias de Vida de Professores de Música das Escolas Parque de Brasília/DF”. Como objetivo da pesquisa buscou--se compreender como os laços entre as professoras e a escola de educação básica são construídos, tendo como desdobramentos evidenciar como as experiências dessas professoras contribuem na formação desses laços e entender nas narrativas (auto)biográficas como essas professoras se tornam sujeitos da experiência. A abordagem teórico-metodológica é a pesquisa (auto)biográfica, e a fonte utilizada é a entrevista narrativa (auto)biográfica. Os resultados apontam que a construção dos laços foi dada pelas professoras em suas narrativas, entendendo que é a partir do movimento (auto)biográfico que o sujeito constrói e reconstrói novos sentidos para si mesmo, aprofundando suas próprias histórias de vida com aquilo que emerge da sua relação com a escola, sendo, a partir dessas ligações, produzido um dispositivo formativo para o sujeito – o laço.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Arthur de Souza Figueirôa, Universidade de Brasília, UnB

Mestrado em Música pela Universidade de Brasília (2017) e graduação em Música pela Universidade de Brasília (2014). Tem experiência na área de Artes, com ênfase em Instrumentação Musical, e atua profissionalmente como músico instrumentista da Orquestra Sinfônica da Força Aérea Brasileira. Participou como tutor e professor orientador do curso de Especialização em Música pela UAB-UnB (2017 – 2018).

Delmary Vasconcelos de Abreu, Universidade de Brasília, UnB

Docente de música da Universidade de Brasília (UnB), com doutorado em música pela UFRGS, mestrado em linguagem (UFMT), graduação em letras (Unemat) e graduação em música (IPA/RS). Possui pós-doutorado em educação na linha cultura, escrita e linguagens pela UFPel. Atualmente é coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Música da UnB e líder do grupo de pesquisa Educação Musical e Autobiografia.

Referências

ABRAHÃO, Maria Helena Menna Barreto. Fontes orais, escritas e (áudio)visuais em pesquisa (auto)biográfica: palavra dada, escuta (atenta), compreensão cênica. O studium e o punctum possíveis. In: Anais... VII Congresso Internacional de Pesquisa (Auto)Biográfica, Cuiabá/MT, 2016.

ABRAHÃO, Maria Helena Menna Barreto. Profissionalização docente e identidade – a invenção de si. Revista Educação. Porto Alegre, RS, nº especial, p. 163-185, out. 2007.

ABREU, Delmary Vasconcelos de. História de vida de uma intelectual brasileira: Jusamara Souza e seus desafios epistemológicos com a educação musical. Revista Brasileira de Pesquisa (Auto)Biográfica, Salvador, v. 05, n. 13, p. 243-260, jan./abr. 2020.

ABREU, Delmary Vasconcelos de. Tornar-se professor de música na educação básica: um estudo a partir de narrativas de professores. Tese (Doutorado em Música). Programa de Pós-Graduação em Música, Instituto de Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2011.

ABREU, Delmary Vasconcelos de. A construção da educação musical escolar no Distrito Federal. In. Encontro anual da Associação Brasileira de Educação Musical, 17, 2013, Pirenópolis/GO. Anais... Pirenópolis/GO: ABEM, 2013.

ABREU, Delmary Vasconcelos de. Aproximações epistemológicas a partir da História de Vida do Maestro Levino Ferreira de Alcântara. Eixo Temático 1: Pesquisa (Auto)biográfica, fontes e questões, p. 74-91. In: VI Congresso Internacional de Pesquisa (auto)biográfica, Rio de Janeiro/RJ, 2014. Anais... Rio de Janeiro/RJ: VI CIPA, 2014.

ALMEIDA, Jéssica de. LOURO, Ana Lúcia. Narrativas de professores de música: entrelaçando vivências com a música e seu ensino e a atuação na educação básica. Revista da ABEM. Londrina, v. 24, nº 37, p. 67-80, jul./dez. 2016.

ANEZI, Franciele Maria. GARBOSA, Luciane Wilke Freitas. Memórias de formação musical e construção docente de Monica Pinz Alves. Revista da ABEM. Londrina, v. 21, nº 31, p. 77-90, jul./dez. 2013.

CONTRERAS, José Domingo. Relatos de experiencia, en busca de ún saber pedagógico. Revista Brasileira de Pesquisa (Auto)Biográfica. Salvador, v. 01, nº 01, p. 14-30, jan./abr. 2016.

DELORY-MOMBERGER, Christine. Abordagens metodológicas na pesquisa biográfica. Revista Brasileira de Educação, Vol. 17, nº 51, set./ dez., 2012.

FERRAROTTI, F. Sobre a autonomia do método biográfico. In: (Orgs) NÓVOA, Antônio. FINGER, Matthias. O método (auto) biográfico e formação. Natal. UFRN: EDUFRN, 2010.

FIGUEIRÔA, Arthur S. A construção de laços com as Escolas Parque de Brasília: Narrativas (auto)biográficas com professores de música. Dissertação (Mestrado) – Universidade de Brasília, Brasília, 2017.

GAULKE, Tamar. O desenvolvimento profissional de professores de música da educação básica: um estudo a partir de narrativas autobiográficas. Tese (Doutorado em Música). Programa de Pós-Graduação em Música, Instituto de Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2017.

GAULKE, Tamar. Aprendizagem da docência em música na educação básica: um estudo a partir de narrativas de professores de música da educação básica. Dissertação (Mestrado em Música). Programa de Pós-Graduação em Música, Instituto de Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2013.

JOSSO, Marie-Christine. As figuras de ligação nos relatos de formação: ligações formadoras, deformadoras e transformadoras. Revista Educação e Pesquisa. São Paulo, v. 32, nº 2, p. 373-383, maio./ago. 2006.

JOSSO, Marie-Christine. A transformação de si a partir da narração de histórias de vida. Revista Educação. Porto Alegre, nº 3 (63), p. 413-438, set./dez. 2007.

JOSSO, Marie-Christine. Da formação do sujeito...ao sujeito da formação. In: (Orgs)NÓVOA, Antônio. FINGER, Matthias. O método (auto) biográfico e formação. Natal. UFRN: EDUFRN, 2010.

PASSEGGI, Maria da Conceição. Narrativas da experiência na Pesquisaformação: do sujeito epistêmico ao sujeito biográfico. Revista Roteiro. Joaçaba, v. 41, nº 01, p. 67-86, jan./abr. 2016.

RICOEUR, Paul. Tempo e Narrativa: Tomo I. Campinas/SP. Editora Papirus, 1994.

SOUZA, Elizeu Clementino de. Biografar-se e empoderar-se: entrevista autobiográfico-narrativa e percursos de formação da professora Dilza Atta. In: ABRAHÃO, M. H.M.B Destacados educadores brasileiros suas histórias, nossa história. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2016, p. 65-95.

TORRES, Maria Cecília A. R. Identidades Musicais de alunas de pedagogia: músicas, memória e mídia. Tese (Doutorado em Educação) Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: UFRGS, 2003.

Downloads

Publicado

2022-04-29

Como Citar

FIGUEIRÔA, A. de S.; VASCONCELOS DE ABREU, D. A história de vida de duas professoras de música das Escolas Parque de Brasília: construção de laços pelas experiências. Orfeu, Florianópolis, v. 7, n. 1, p. e0105, 2022. DOI: 10.5965/2525530406012021e0105. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/orfeu/article/view/20898. Acesso em: 9 ago. 2022.