[1]
V. N. Beltrame e G. A. Moretti, “Teatro de Formas Animadas Contemporâneo: hibridismo, miscigenação e heterogeneidade”, Móin-Móin, vol. 2, nº 04, p. 009-011, abr. 2018.