Pés e cansaços: imagens e memórias na obra Descanso, de Hugo Mund Jr.

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/1808312913202018003

Palavras-chave:

história da arte, imagem, memória, Hugo Mundo Jr.

Resumo

Neste artigo, abarcam-se questões relativas a algumas das recentes constituições para abordagem da História da Arte, enfocando os conceitos de imagem, montagem, imaginação e memória, através das bases fornecidas por teóricos como Benjamin, Warburg, Didi-Hubermann, dentre outros, que os estudam e corroboram. Tendo por base tais perspectivas, aproximamo-nos de uma construção de leitura simbólica e memorial da obra Descanso (1955), de Hugo Mund Jr.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Clarissa Santos Silva, Universidade do Estado de Santa Catarina

Mestra em Artes Visuais pelo PPGAV/UDESC, orientada por Maria Cristina da Rosa Fonseca da Silva. Graduada em Arte e Mídia pela Universidade Federal de Campina Grande (2012) e Especialista em Artes Híbridas pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (2016). Tem como questão norteadora as potencialidades da relação entre arte, educação e tecnologias. Atua no Grupo de Pesquisa Educação, Artes e Inclusão – CNPq/UDESC.

Downloads

Publicado

2018-08-14

Como Citar

Santos Silva, C. (2018). Pés e cansaços: imagens e memórias na obra Descanso, de Hugo Mund Jr. DAPesquisa, 13(20), 003-016. https://doi.org/10.5965/1808312913202018003

Edição

Seção

Artigos