Percepções estéticas de mulheres lésbicas acerca de produtos de sex shop

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/18083129152021e0003

Palavras-chave:

Brinquedos sexuais, Lésbicas, Indústria do sexo, Percepção de padrões

Resumo

Este artigo busca entender as percepções estéticas de mulheres lésbicas acerca de produtos de sex shop. Assim, esta é uma pesquisa exploratória, básica e descritiva, que se desenvolveu a partir de pesquisa de campo com entrevistas, utilizando um questionário semiestruturado. Esse questionário foi aplicado em grupos focais, de maneira on-line e presencial, sendo a análise desses dados desenvolvida de forma qualitativa. No caso deste estudo, foi possível identificar que as percepções estéticas de mulheres lésbicas acerca de produtos de sex shop seguem desde uma relação de poder com a parceira até uma relação de estranheza com o objeto, gerando possíveis desconfortos. Ainda, tanto na pesquisa on-line quanto na pesquisa presencial, foi possível identificar que há uma preferência por sex toys fálicos e com cores e formas artificiais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mariana Luísa Schaeffer Brilhante, Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Florianópolis, SC

Mestranda em Design do Vestuário e Moda (UDESC), especialista em Estudos Culturais (UFRGS) e tecnóloga em Design de Moda (ULBRA)

Célio Teodorico dos Santos, UDESC

Bacharel em Desenho Industrial pela Universidade Federal da Paraíba (1983). Mestre em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (1998), na área de Gestão do Design e do Produto. Doutorado em Engenharia Mecânica, na área de Projeto de Sistemas Mecânicos pela Universidade Federal de Santa Catarina (2009).

Referências

BAXTER, M. Projeto de produto: guia prático para o design de novos produtos. 2. ed. São Paulo: Edgard Blüncher, 1998.

BEST, K. Fundamentos de gestão do design. Porto Alegre: Bookman, 2012.

LÖBACH, B. Design industrial. São Paulo: Edgard Blucher, 2000.

KRIPPENDORFF, K. The semantic turn: A new foundation for design. Boca Raton, FL: CRC Press, 2006.

PRECIADO, B. Manifesto contrassexual: Políticas subversivas de identidade sexual. São Paulo: n-1 edições, 2014.

Publicado

2021-02-27

Como Citar

Brilhante, M. L. S., & dos Santos, C. T. (2021). Percepções estéticas de mulheres lésbicas acerca de produtos de sex shop. DAPesquisa, 16, 01-10. https://doi.org/10.5965/18083129152021e0003