A pedagogia pós-crítica na ação do professor-artista: possibilidades de interação entre o pedagogo e o ator na sala de aula.

Autores

  • Heloise Biange Udesc
  • Beatriz Cabral Udesc

DOI:

https://doi.org/10.5965/1808312903052008992

Palavras-chave:

Ensino do teatro, Professor-artista, pedagogia pós-crítica

Resumo

O presente artigo pretende discutir as possibilidades de atuação do professor de teatro como artista dentro do contexto de sala de aula. Para promover o processo de ensino aprendizagem, muitas vezes, o professor age como um ator ou animador, de modo a representar um papel no momento em que está na sala de aula. Mas o que pretendo discutir, não é propriamente esta característica do papel do professor, mas a concretização de sua condição de artista assumida intencionalmente na sala de aula, como co-autor da cena desenvolvida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-08-14

Como Citar

BIANGE, Heloise; CABRAL, Beatriz. A pedagogia pós-crítica na ação do professor-artista: possibilidades de interação entre o pedagogo e o ator na sala de aula. DAPesquisa, Florianópolis, v. 3, n. 5, p. 992–999, 2019. DOI: 10.5965/1808312903052008992. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/dapesquisa/article/view/15654. Acesso em: 15 abr. 2024.

Edição

Seção

Artes Cênicas