Apontamentos sobre estudos do currículo: questões teóricas

Autores

  • Maria Helena Tomaz Universidade do Estado de Santa Catarina
  • Cléia Demétrio Pereira Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC
  • Alfredo Balduíno Santos Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC

Resumo

Este texto apresenta alguns apontamentos sobre estudos do currículo a partir de algumas abordagens teóricas que tem contribuído para o debate no campo da teoria do currículo, com o objetivo de aprofundar os conhecimentos sobre as questões ligadas ao currículo e seus desdobramentos nos contextos educacionais. Centra-se especificamente em abordar o conceito de currículo, considerando que encontra-se atrelado aos estudos investigatórios de doutorandos vinculados a linha de pesquisa ‘desenvolvimento curricular’, do curso de Ciências da Educação, da Universidade do Minho em convênio com a Universidade do Estado de Santa Catarina. O desenvolvimento desse estudo ocorreu por meio de pesquisa bibliográfica, de caráter exploratório, onde as contribuições de Apple (1994), Goodson (2001, 2007, 2013), Pacheco (2001, 2005, 2011), Silva (1996, 1999), Young (2010, 2014) foram fundamentais para ampliar os conhecimentos acerca desse debate.

Biografia do Autor

Maria Helena Tomaz, Universidade do Estado de Santa Catarina

Técnica em Educação na Direção de Ensino de Graduação do CEAD

Cléia Demétrio Pereira, Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC

Departamento de Pedagogia

Alfredo Balduíno Santos, Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC

Departamento de Pedagogia

Referências

APPLE, M. W. Repensando ideologia e currículo. In: MOREIRA, A. F.; SILVA, T. T. (Orgs.). Currículo, cultura e sociedade. São Paulo: Cortez, 1994. pp. 39-57.

APPLE, Michael W. Ideologia e currículo. São Paulo: Brasiliense, 1982.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2010.

GOODSON, I. F. Currículo, Narrativa e o Futuro Social. Revista Brasileira de Educação, v. 12, n. 35, p. 241-252, mai./ago. 2007.

GOODSON, I. F. Currículo: teoria e história. 4 ed. São Paulo: Editora Vozes, 2001.

GOODSON, I. Políticas de currículo e de escolarização: abordagens históricas. Tradução Vera Joscelyne. Rio de Janeiro: Vozes, 2013.

MOREIRA, Antonio Flávio Barbosa; SILVA, Tomaz Tadeu. (Org.). Currículo, cultura e sociedade. 2. ed. São Paulo: Cortez, 1997.

PACHECO, José A. Currículo, aprendizagem e avaliação. Uma abordagem face à agenda globalizada. Revista Lusófona de Educação, 17, 2011, p. 65-74.

PACHECO, José A. Para a noção de transformação curricular. In: Cadernos de Pesquisa, V. 46, nº 6477, jan/mar., 2016, p. 64-77.

PACHECO, José Augusto. Escritos Curriculares. São Paulo: Cortez, 2005.

PACHECO, José Augusto. Teoria curricular crítica: os dilemas (e contradições) dos educadores críticos. Revista Portuguesa de Educação, Universidade do Minho, v. 14, n. 1, p. 49-71, 2001.

SILVA, Tomaz Tadeu da. Documentos de identidade: uma introdução às teorias do currículo. Belo Horizonte: Autêntica, 1999.

SILVA, Tomaz Tadeu da. Identidades terminais: as transformações na política da pedagogia e na pedagogia da política. Petrópolis: Vozes, 1996.

YOUNG, Michael. Os estudos do currículo e o problema do conhecimento: atualizar o Iluminismo?. In: SÁ, R. G. B.; FARTES, V. L. B. (Orgs.) Currículo, formação e saberes profissionais: a (re) valorização epistemológica da experiência. Salvador: EDUFBA, 2010, pp. 19-36.

YOUNG, Michael. Teoria do currículo: o que é e por que é importante. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 44, n. 151, p. 190-202, jan./mar. 2014.

Downloads

Publicado

2016-11-09