Itinerário formativo: sensibilização ambiental na Educação Básica

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/2357724X112023e0132

Palavras-chave:

Itinerário Formativo, Educação Ambiental, Novo Ensino Médio

Resumo

Este artigo apresenta um Produto Educacional, resultado de pesquisa de Mestrado Profissional em Química em Rede Nacional (PROFQUI), e o contexto investigativo em que foi elaborado. A pesquisa que originou o produto teve como objetivo analisar as possíveis contribuições e potencialidades de um Itinerário Formativo (IF) da área das Ciências da Natureza envolvendo alunos da Educação Básica numa perspectiva ambiental, permitindo que os conhecimentos e os recursos gerados neste IF contribuam em ações individuais ou coletivas de mediação e intervenção sobre os problemas ambientais. As atividades realizadas aconteceram durante o período de doze semanas, sendo uma aula semanal de 50 minutos, guiadas pelo professor da turma. A proposta educacional foi o desenvolvimento de um IF com o objetivo de abordar uma temática variada sobre lixo e o seu processo de reciclagem, enfatizando situações sociais referentes à temática, a partir das habilidades na Base Nacional Comum Curricular. O procedimento para o desenvolvimento deste produto foi a pesquisa participante, de objetivo descritivo e abordagem qualitativa. Na análise interpretativa-construtiva, os resultados da aplicação do IF revelam contribuições para a formação dos alunos, notando-se um expressivo interesse e curiosidade manifestados por eles em relação a cada temática discutida, o que despertou um genuíno interesse pelas questões ambientais abordadas. Ao término, espera-se que este produto educacional possa ser disseminado em outras instituições escolares, permitindo que os professores desenvolvam IF que não apenas ofereçam uma diversidade de atividades e ações no contexto da Educação Ambiental, mas facilitem a formação de indivíduos reflexivos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leonardo José Osiecki Voitovicz , Rede Estadual de Educação do Paraná

Mestre em Química, professor, Secretaria de Educação do Estado do Paraná, Curitiba/Paraná/Brasil.

Everton Bedin, Universidade Federal do Paraná (UFPR)

Doutor em Educação em Ciências, professor, Universidade Federal do Paraná, Curitiba/Paraná/Brasil.

George Hideki Rossini Sakae, Universidade Federal do Paraná (UFPR)

Doutor em Química, professor, Universidade Federal do Paraná, Curitiba/Paraná/Brasil.

Referências

ACSELRAD, H. Ambientalização das lutas sociais o caso do movimento por justiça ambiental. Estudos avançados, v. 24, p. 103-119, 2010.

ACSELRAD, H.; MELLO, C. C. A.; BEZERRA, G. das N. O que é Justiça Ambiental: Rio de Janeiro. Ed. Garamond, 2009.

BRASIL. Resolução nº 3, de 21 de novembro de 2018. Atualiza as Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio, Brasília, 2018b.

BRASIL. Ministério da Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ensino Médio. Brasília, 2000.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2018a.

GOMES, C.; GONZALEZ REY, F. L. Psicologia e inclusão: aspectos subjetivos de um aluno portador de deficiência mental. Revista Brasileira de Educação Especial, v. 14, p. 53-62, 2008.

GONZÁLEZ-REY, F. L. Pesquisa Qualitativa e Subjetividade: os processos de construção da informação. Cengage Learning Editores, 2005.

PELICIONI, M. C. F.; PHILIPPI JUNIOR, A. Educação ambiental e sustentabilidade. In: Educação ambiental e sustentabilidade. 2014. p. 1004-1004.

REIGOTA, M. O que é Educação Ambiental. 2.ed. São Paulo: Brasiliense, 2009.

SAITO, C. H. Educação Ambiental no Brasil e a crise socioambiental mundial. Espaço em Revista (Catalão-GO), v. 11, n. 2, p. 1-14, 2009.

VAITSMAN, E. P.; SANTIAGO, D. Química & meio ambiente: ensino contextualizado. Interciência, 2006.

Downloads

Publicado

2023-12-30

Como Citar

OSIECKI VOITOVICZ , Leonardo José; BEDIN, Everton; HIDEKI ROSSINI SAKAE, George. Itinerário formativo: sensibilização ambiental na Educação Básica. Revista BOEM, Florianópolis, v. 11, p. e0132, 2023. DOI: 10.5965/2357724X112023e0132. Disponível em: https://revistas.udesc.br/index.php/boem/article/view/24783. Acesso em: 24 fev. 2024.

Edição

Seção

Discussões sobre produtos educacionais: ensino de ciências, matemática e tecnologias