Por uma teoria contemporânea do espetáculo: mimesis e desempenho espetacular

Luis Fernando Ramos

Resumo


Contemporaneamente, com a expansãodos estudos teatrais para os campos da performance e das formas performativasdas artes visuais, como a “live art” e os “sitespecific”, o vídeo e as instalações, bem como as crescentes interfaces com disciplinas como a antropologia, a etnologia ea sociologia, foi se tornando cada vez mais complexo definir este objeto privilegiado de investigação, o espetáculo. A pretensão aqui é tentar recortar melhor este campo, arriscando depurá-lo de um excesso de referências possíveis a fim de definir o que nele seria ontologicamente específico. Na busca desta especificidade tenta-se, por um lado resgatar a noção de espetáculo da generalidade que algumas abordagens o lançaram ao mesmo tempo em que se quer refazer a história conceptual que vai originar a sua acepção moderna e propor a retomada da noção de mimesis, e um seu desdobramento, a noção de desempenho espetacular, como produtivas para operar a leitura da cena contemporânea.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5965/1414573102132009071



Direitos autorais 2018 Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas



 

    

 

Indexadores

 

       


Urdimento – Revista de Estudos em Artes Cênicas - Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) - Centro de Artes (CEART) - Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas - (PPGT) – E-ISSN: 2358.6958 - Endereço: Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC, Centro de Artes - Av. Madre Benvenuta, 2007, Itacorubi. Florianópolis. SC, Brasil. CEP: 88.035-001 – E-mail: urdimento.ceart@udesc.br

Licença Creative Commons

  Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.