Teatro de rua como ocupação da cidade: criando comunidades transitórias

André Carreira

Resumo


O presente texto apresenta uma reflexão sobre o teatro de rua como um teatro de ocupação da cidade e analisa procedimentos pelos quais essa modalidade teatral busca construir comunidades temporárias de espectadores e atores. O artigo faz referência às noções de ambiente urbano, repertórios de usos e jogo, relacionando estas com o fenômeno teatral que ocupa segmentos da cidade, supondo que a rua é um campo inóspito que o teatro busca ocupar como fala de resistência.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5965/1414573102132009011



Direitos autorais 2018 Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas



 

    

 

Indexadores

 

       


Urdimento – Revista de Estudos em Artes Cênicas - Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) - Centro de Artes (CEART) - Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas - (PPGT) – E-ISSN: 2358.6958 - Endereço: Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC, Centro de Artes - Av. Madre Benvenuta, 2007, Itacorubi. Florianópolis. SC, Brasil. CEP: 88.035-001 – E-mail: urdimento.ceart@udesc.br

Licença Creative Commons

  Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.