Um monge estranho: entrevista com Alejandro Tomás Rodriguez e Robin Gentien

Chavannes Procópio Péclat

Resumo


Neste entrevista, os artistas, falam sobre diversos aspectos de seu próprio trabalho, no que diz respeito à criação cênica pautada em uma linha de ações físicas e cânticos tradicionais. Trata-se de um importante material para contribuir com as reflexões de artistas e pesquisadores, que estudam o trabalho com o canto e as ações físicas realizado no Workcenter, bem como para aqueles que buscam entender o movimento de continuidade do legado deixado por Jerzy Grotowski, levado adiante pelos seus principais colaboradores, Thomas Richards e Mario Biagini, e desdobrado por artistas como Alejandro Rodriguez e Robin Gentien, que tiveram sua formação artística constituída neste contexto. 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5965/1414573101282017342



Direitos autorais 2017 Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas



 

    

 

Indexadores

 

       


Urdimento – Revista de Estudos em Artes Cênicas - Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) - Centro de Artes (CEART) - Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas - (PPGT) – E-ISSN: 2358.6958 - Endereço: Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC, Centro de Artes - Av. Madre Benvenuta, 2007, Itacorubi. Florianópolis. SC, Brasil. CEP: 88.035-001 – E-mail: urdimento.ceart@udesc.br

Licença Creative Commons

  Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.