Entrelaçando fios Cuba e suas cubanidades no tecido da Escola Cubana de Balé

Deysi García, Andrea Viera Zanella

Resumo


Apresentamos uma aproximação à Escola Cubana de Balé, a partir de uma abordagem que pondera a sua existência como evento que transcorre numa relação dialógica com os múltiplos acontecimentos do contexto no qual se desenvolve. Sublinham-se, nesta aproximação, as concepções teóricas de M. Bakhtin, as quais conduzem os fios do tecido de uma cultura e suas maneiras de se expressar nos tempos e espaços, e assim, obter um desenho com matizes diferentes, únicos no campo do balé clássico, mas, aberto à novos possíveis, insuspeitados. Assim, é apresentada a trajetória da construção dessa singularidade e as tensões entre variadas vozes sociais que possibilitaram sua emergência e consolidação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5965/1414573101282017202



Direitos autorais 2017



 

    

 

Indexadores

 

       


Urdimento – Revista de Estudos em Artes Cênicas - Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) - Centro de Artes (CEART) - Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas - (PPGT) – E-ISSN: 2358.6958 - Endereço: Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC, Centro de Artes - Av. Madre Benvenuta, 2007, Itacorubi. Florianópolis. SC, Brasil. CEP: 88.035-001 – E-mail: urdimento.ceart@udesc.br

Licença Creative Commons

  Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.