O RETORNO MOTIVADO PELA CRISE NA ECONOMIA NORTE AMERICANA
RETURN MOTIVATED BY ECONOMIC CRISIS IN NORTH AMERICA

Sueli Siqueira

Resumo


Nos anos 1960, teve início a formação da rede de emigração da região de  Governador Valadares (MG) para os Estados Unidos. Nos anos de 1980, essa rede  estava consolidada. Durante esse período, muitos retornaram, outros fixaram  residência no destino e outros tornaram-se transmigrantes. Em 2007, teve início  um retorno diferenciado, dos atingidos pela crise da economia americana. Este  artigo tem como tema central esse retorno. Foram realizadas 398 entrevistas com  emigrantes retornados no período de junho de 2007 a dezembro de 2008. Os  dados demonstram que a maioria deles são indocumentados, que ficaram nos  Estados Unidos por um período de três a cinco anos e retornaram porque os  ganhos já não compensavam os riscos. Em torno de 18% já fizeram investimentos  no Brasil que garantem sua sobrevivência, 51% têm capital para investir e 21%  não sabem como vão sobreviver no Brasil. Destaca-se que 28% pretendem emigrar  para Europa.


Palavras-Chave: Crise Econômica. Migração. Retorno.


 


Abstract

  The formation of a Brazilian  migration network from the Governador Valadares  region in Brazil to the  United States  began in the 1960s, and, by the 1980s, it was consolidated. During that period  many Brazilian immigrants returned to Brazil,  others continued to reside in the United States, while  some became transmigrants. In 2007 a different move began. The immigrants,  affected by the crisis of the U.S.  economy, start to return – and this is the focus of this article. I conducted  398 interviews with Brazilian migrants who returned to Brazil from  June, 2007 to December, 2008. Research results show that the majority of  Brazilian immigrants were undocumented, lived in the United States between three to  five years, and returned because their financial profits did not compensate the  risks anymore. About 18% had recently made investments in Brazil that would guarantee their survival; 51%  had capital to invest; and 21% did not know how to survive in Brazil, while 28% intended to migrate to Europe.


Keywords: Economic Crisis. Migration.  Return.


Texto completo:

PDF


Contato:
Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC
Centro de Ciências Humanas e da Educação - FAED
Programa de Pós-Graduação em História - PPGH
Av. Madre Benvenuta, 2007 - Itacorubi - Florianópolis - SC
CEP: 88.035-001            Telefone: (48) 3664-8585
tempoeargumento@gmail.com