Dossiê: Terra e território no Brasil e América Latina: Sujeitos sociais, memória histórica e políticas públicas no tempo presente

Nas últimas décadas os estudos relativos à temática da história rural no Brasil e na América Latina demonstram uma trama de relações diversificadas, complexas e conflitivas acerca das experiências de ocupação de terra; das disputas pelo acesso, uso e posse da terra; das práticas e direitos de propriedade; do conjunto de resistências individuais - cotidianas e silenciadas - e coletivas; das diferentes formas de se relacionar com a terra, o território e o meio ambiente e das distintas concepções de direito. Neste universo, conflitivo, multifacetado e desigual, pretendemos receber artigos para compor o dossiê “Terra, território e meio ambiente no Brasil e América Latina: Sujeitos sociais, memória histórica e políticas públicas no tempo presente” pesquisas que abordem a vitalidade do mundo rural no tempo presente e suas raízes históricas.

Busca-se, nessa direção, privilegiar as narrativas dos próprios sujeitos, problematizando suas práticas a partir de novas fontes e metodologias, sobretudo as entrevistas orais. Por outro lado, cabe mencionar que serão bem vindos os estudos que busquem rever as historiografias tradicionalmente construídas sobre os sujeitos do campo, rompendo, assim, com a suposta homogeneização do campo e suas relações com o âmbito urbano. Neste ínterim, diferentes sujeitos sociais, a saber: indígenas, quilombolas, sem terra, extrativistas, pequenos agricultores e grandes proprietários rurais disputam pela posse da terra e, no caso dos primeiros, por um local de trabalho, vida e moradia. Assim, o questionamento ao Direito, e, ainda, a compreensão dele como um meio para se alcançar a justiça e o exercício da cidadania, aliado a organização em movimentos sociais, apontam à reconfiguração desses sujeitos. Sinaliza, igualmente, a busca de novas representações sociais, a elaboração de políticas públicas e de leis específicas e os rearranjos e conflitos em torno delas.

A partir deste escopo, o dossiê “Terra, território e meio ambiente no Brasil e América Latina: Sujeitos sociais, memória histórica e políticas públicas no tempo presente” pretende contribuir com o debate no âmbito da história rural, em diálogo com a Antropologia, Arqueologia, Geografia, Sociologia e o Direito a partir de uma perspectiva histórica, acerca das disputas pelo uso e posse da terra, da manutenção dos modos de vida, dos processos de resistência e pelo direito à(s) memória(s) dos diferentes grupos sociais do Brasil e da América Latina. Neste sentido, esperamos colaborações provenientes de distintas disciplinas das Ciências Humanas e Sociais que abordem a diversidade dos sujeitos do campo na contemporaneidade.

Organizadoras:

Dra. Rose Elke Debiasi (Centro Universitário Municipal de São José)

Dra. Sol Lanteri (CONICET-UBA, Argentina)