ESTUDO EXPERIMENTAL DA SOLUBILIDADE DE SACAROSE EM SOLUÇÕES LÍQUIDAS BINÁRIAS FORMADAS POR ÁGUA E ÁLCOOL ISOPROPÍLICO A 303,2 K E 313,2 K

Alessandro Cazonatto Galvão, Ananda Paludo, Andressa Dalila Bianchi, Jaqueline Aparecida Matiello, Rafael Thomas, Weber da Silva Robazza

Resumo


Com o futuro esgotamento de energias não renováveis, faz-se interessante o estudo de novas fontes energéticas. O Brasil, como uns dos principais produtores do ramo agropecuário no mundo se destaca por possuir diversas culturas que incitam a pesquisa na área. Um caso especial é encontrado na cana-de-açúcar, que possibilita o desenvolvimento de produtos químicos e combustíveis provenientes da biomassa. A sacarose, retirada da cana-de-açúcar, é uma importante fonte de carbono, podendo ser utilizada para rotas químicas de transformação. O presente estudo teve como objetivo avaliar a solubilidade da sacarose nas temperaturas de 303,2 K e 313,2 K, em soluções liquidas binárias formadas por álcool isopropílico e água em toda faixa de composição molar. Os dados obtidos indicam que a solubilidade da sacarose aumenta conforme acréscimos na concentração de água na solução. O mesmo ocorre com o aumento da temperatura. Os resultados obtidos são de grande importância para o conhecimento do equilibro sólido-líquido, podendo servir como ponto de partida para outros estudos em diversas áreas do conhecimento.

Palavras-chave


sacarose; solubilidade; equilibrio

Texto completo:

PDF

Referências


Ministério da Agricultura. Cana de açúcar. Disponível em:< http://www.agricultura.gov.br/vegetal/culturas/cana-de-acucar>. Acesso em jan. 2015.

BOSCOLO, M. Sucroquímica: Síntese e potencialidades de aplicações de alguns derivados químicos de sacarose. Química Nova, v. 26, p.906-912, 2003.

AWAD, A.; CHEN, A.C. A new generation of sucrose products made by cocrystallization process. Journal of Food Technology, v. 47, p.146-148, 1993.

GARTI, N.; ASERIN, A.; FANUN, M. Non-ionic sucrose esters microemulsions for food applications. Part 1. Water solubilization. Colloids Surfaces, v. 164, p.27-39, 2000.

RODRIGUES, J.A.R. Do engenho à biorrefinaria. A usina de açúcar como empreendimento industrial para a geração de produtos bioquímicos e biocombustíveis. Química Nova, v. 4, p.1242-1254, 2011.

KOLLONITSCH V. Sucrose Chemicals, International Sugar Research Foundation, Washington D.C., 1970.

FENNEMA, O.R.; PARKIN, K.L; DAMODARAM, S. Química de Alimentos. 4. ed. - Porto

Alegre: Editora Artmed, 2010. 900p.

CORMA, A.; IBORRA, S.; VELTY, A.A. Chemical Routes for the Transformation of Biomass into Chemicals. Chemical Reviews, v. 107, p.2411-2502, 2007.

WEPY, T.; PEDERSEN, G. Bulk Chemicals from Biomass, US Department of Energy: Washington, v.1, 2005.

PLIEGO, J.R.Jr. Modelos contínuos do solvente: fundamentos. Química Nova, v. 29, p.535-542, 2006.

SMITH, J.M.; ABBOT, M.M.; VAN NESS, H.C. Introdução a termodinâmica da engenharia química. 5. ed. -. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos, 2000. 697p.

TSAVAS, P.; POLYDOROU, S.; VOUTSAS, E.C.; MAGOULA, K.G. Sucrose Solubility in Mixtures of Water, Alcohol, Ester, and Acid. Journal of Chemical and Engineering Data, v. 47, p. 513-517, 2002.

BOUCHARD, A.; HOFLAN, G.W.; WITKAMP, G.J. Properties of Sugar, Polyol, and Polysaccharide Water-Ethanol Solutions. Journal of Chemical and Engineering Data, v. 52, p.1838-1842, 2007.

WU, B.; ZHANG, Y.; WANH, H.; YANG, L. Temperature dependence of phase behavior for ternary systems composed of ionic liquid + sucrose + water. The Journal of Physical Chemistry B, v. 112, p.13163-13165, 2008.

PERES, A.M.; MACEDO, E.A. Measurement and modeling of solubilities of D-glucose in water/alcohol and alcohol/alcohol systems. Industrial & Engineering Chemistry Research, v. 36, p.2816-2820, 1997.

PERES, A.M.; MACEDO, E.A. Phase equilibria of D-glucose and sucrose in mixed solvent mixtures: comparison of UNIQUAC-based models. Carbohydrate Research, v. 303, p.135-151, 1997.

MARTINS, C.R.; LOPES, W.A.; ANDRADE, J.B. Solubilidade das substâncias orgânicas. Química Nova, v. 36, p.1248-1255.

PUGH, E.W.; WINSLOW, G.H. The Analysis of Physical Measurents, Addison-Wesley, Reading, Mass. 1966.

MARTINS, C.R.; LOPES, W.A.; ANDRADE, J.B. Solubilidade das substâncias orgânicas. Química Nova, v. 213, p.1248-1255.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista do Congresso Sul Brasileiro de Engenharia de Alimentos, Pinhalzinho, Santa Catarina, Brasil. ISSN 2447-3650.

Classificação Qualis - CAPES:

Ciências Ambientais B5

Engenharias II B5

A Revista CSBEA está indexada nos repositórios Latindex, Livre e Sumários.org

Conteúdos do periódico licenciados sob uma Licença Creative Commons 4.0 By