DETERMINAÇÃO DE AÇÚCARES EM SUCOS DE FRUTAS UTILIZANDO ELETROFORESE CAPILAR

Fabiana Della Betta, Fabíola Carina Biluca, Laís Morilla Pereira, Luciano Valdomiro Gonzaga, Roseane Fett, Ana Carolina de Oliveira Costa

Resumo


A legislação brasileira define que suco é a bebida não fermentada, não concentrada e não diluída obtida da fruta sã e madura, ou parte do vegetal de origem, por processo tecnológico adequado, submetida a tratamento que assegure a sua apresentação e conservação até o consumo. Ao suco poderá ser adicionado açúcar na quantidade máxima fixada para cada tipo, obedecendo ao percentual máximo de 10%, calculado em g açúcar/100 g de suco, e, quando a amostra for designada suco integral, não é permitida a adição de açúcares. O objetivo deste estudo foi determinar o conteúdo de açúcares em amostras de suco de frutas empregando eletroforese capilar. Foram avaliadas sete amostras de suco de frutas de diferentes sabores e marcas, adquiridas no comércio local de Florianópolis - SC, o preparo de amostras consistiu em diluição, seguida de centrifugação e injeção no equipamento de eletroforese capilar. O método de eletroforese capilar mostrou ser adequado para aplicação na matriz estudada, além de ser simples e rápido, é ideal para laboratórios com elevada demanda de análises. Os teores de açúcares encontrados nas amostras estavam de acordo com o padrão de identidade e qualidade dos produtos. A legislação de rotulagem da ANVISA RDC 360, de 23 de dezembro de 2003 permite variação de ± 20% nos valores declarados nos rótulos, das sete amostras apenas duas respeitavam esta variação.

Palavras-chave


sucos; açúcares;eletroforese

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Presidência da república. Lei nº 8.918, de 14 de julho de 1994. Dispõe sobre a padronização, a classificação, o registro, a inspeção, a produção e a fiscalização de bebidas, autoriza a criação da Comissão Intersetorial de Bebidas e dá outras providências. Brasília, 1994.

BRASIL. Agência nacional de vigilância sanitária. RDC 360, de 23 de dezembro de 2003. Aprova regulamento técnico sobre rotulagem nutricional de alimentos embalados, tornando obrigatória a rotulagem nutricional. Brasília, 2000.

Amostra Açúcares totais g/100mL-1 Açúcares totais (rótulo) g 100mL-1 Comparação do valor declarado (%) Maçã 11,84 15,00 78,93 Manga 9,91 12,50 78,48 Laranja 8,46 13,00 65,07 Pêssego 8,67 12,50 69,36 Uva tinto integral 12,20 9,00 135,55 Uva tinto integral 13,50 15,00 90,00 Uva branco integral 16,29 15,00 108,60

BRASIL. Ministério da agricultura, pecuária e abastecimento. Instrução normativa 01, de 07 de janeiro de 2000. Brasília, 2000.

MORETTO, E.; FETT, R.; GONZAGA, L; V.; KUSKOSKI, E. M. Introdução à ciência de alimentos. 2. ed. Florianópolis: Ed. da UFSC, 2008. 237p.

RIZELIO, V. M.; TENFEN, L. SILVEIRA, R.; GONZAGA, L. V.; COSTA, A. C. O.; FETT, R. Development of a fast capillary electrophoresis method for determination of carbohydrates in honey samples. Talanta, v. 93, p. 62-66, 2012.

VARNAM, A. H.; SUTHERLAND, J. P. Bebidas: tecnologia, quimica y microbiologia. Zaragoza: Acribia, 1997. 487p.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista do Congresso Sul Brasileiro de Engenharia de Alimentos, Pinhalzinho, Santa Catarina, Brasil. ISSN 2447-3650.

Classificação Qualis - CAPES:

Ciências Ambientais B5

Engenharias II B5

A Revista CSBEA está indexada nos repositórios Latindex, Livre e Sumários.org

Conteúdos do periódico licenciados sob uma Licença Creative Commons 4.0 By