TRIBUTAÇÃO NO RESULTADO DOS INVESTIMENTOS E DAS APLICAÇÕES NO MERCADO FINANCEIRO NACIONAL

Ângela Bilk, Francieli Mara Heinz Neves, Alyne Cecilia Serpa Ganz, Micheli Aparecida Lunardi

Resumo


Esta pesquisa teve por objetivo principal analisar o impacto da tributação no resultado da rentabilidade dos principais investimentos e aplicações financeiras oferecidos no mercado financeiro nacional. Para isso elaborou-se uma pesquisa descritiva, documental e quantitativa. A população é composta pelos principais tipos de investimento demostrados na Folha de São Paulo. A amostra do estudo foi composta de forma aleatória. O período a ser analisado, constituiu o ano de 2014 a 2015. Para o estudo foram utilizadas as aplicações financeiras disponíveis no mercado financeiro capaz de ser rentável e resgatável em curto prazo, considerando o valor inicial de R$ 100.000,00. Para a análise dos dados, aplicou-se a técnica da estatística descritiva. Os resultados apontaram que os rendimentos mais significativos foram o dólar, o ouro e o NTN-B. Mas, que o risco alto, médio e baixo, respectivamente, precisa ser avaliado além dos rendimentos. A tributação do IR e das taxas administrativas reduziu os tipos de investimentos recomendados de 12 para 6. Salientando que por seu alto risco o dólar deixa de ser uma opção viável para o valor e período considerados. Apesar do alto valor do imposto e risco médio, o ouro alcançou a mais alta rentabilidade e liquidez e prevaleceu como investimento mais indicado.


Texto completo:

PDF



Revista mantida pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC)
Campus Ibirama
® 2016 Direitos Reservados