“MEMÓRIA DE FERRO”: TRAJETÓRIA ARTÍSTICA E PRODUÇÃO ESTÉTICA DE EDER SANTOS

Thamara Venâncio de Almeida

Resumo


Este estudo pretende abordar a trajetória artística e a produção estética de Eder Santos, privilegiando as obras que têm o vídeo como um dos suportes. Com uma produção e trajetória multifacetada, como videomaker, cineasta, publicitário e artista, essa análise privilegia a sua produção nesse último empreendimento. Partindo da sua participação com vídeos single channel em festivais de vídeo, em especial o Videobrasil, passaremos brevemente pela sua internacionalização, demonstrando algumas participações em festivais e em mostras de arte em museus estrangeiros, até concluir com a criação de videoinstalações que serviram para inserir o artista no circuito emergente das artes tradicionais aqui no Brasil, em um momento de novas perspectivas e profícua ampliação do mundo da arte contemporânea. No mais, as análises estéticas das obras de Santos nesse estudo privilegiam a temática da política da memória, que tem como recorrente um resgate histórico ao passado, em que intentamos apresentar possíveis eixos de leituras sob essa concepção.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2017 Palíndromo



Indexadores, diretórios e bases de dados

       


Revista Palíndromo - Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC - Centro de Artes - CEART

Endereço: Av. Madre Benvenuta, 1907 - Itacorubi - Florianópolis - SC - CEP: 88035-001

ISSN 2175-2346



A Revista Palíndromo está disponível sob a Licença
Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.