Luxo e tecnologia: análise fenomenológica da bolsa Canvas of the Future da grife Louis Vuitton

Guilherme Henrique Koerich, Nicole Pasini Trevisol, Richard Perassi Luiz de Sousa

Resumo


Para ampliar sua influência cultural, conquistar novos consumidores ou fidelizar os atuais (target), os gestores de grifes de luxo também diversificam produtos e estratégias de Marketing. Um exemplo disso é o lançamento da bolsa Canvas of the Future, um produto da marca Louis Vuitton que ostenta recursos de tecnologia digital, integrando a ideia de inovação tecnológica aos conceitos de marca e produto de luxo. Assim, buscou-se descrever e interpretar a percepção de especialistas em Moda sobre o produto, realizando-se uma pesquisa descritivo-qualitativa, cuja base epistemológica é a Fenomenologia. Em síntese, foram consideradas e desenvolvidas quatro etapas de pesquisa para: 1) explorar; 2) coletar; 3) relacionar informações, e 4) levantar proposições. Entre os resultados do estudo, destacam-se considerações como: pioneiro, inovador, surreal e futurista com relação ao produto, confirmando o hibridismo contemporâneo entre a tradição de Moda e a inovação tecnológica, evidenciando a revisão e o reposicionamento da marca e do produto de luxo.


Palavras-chave


produto de luxo; tecnologia digital; fenomenologia da moda

Texto completo:

PDF

Referências


AAKER, D. A. Construindo marcas fortes. Porto Alegre: Bookman, 2007.

AKSOY, Meryem. Louis Vuitton Collaborates with Royole to Create "Canvas of the Future" Collection. 2019. Disponível em: . Acesso em: 17 jun. 2019.

BAUDRILLARD, Jean. Para uma crítica da economia política do signo. São Paulo: Martins Fontes, 1995.

BAUER, Martin W.; GASKELL, George. Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som: um manual prático. 2. ed. Rio de Janeiro: Vozes, 2002.

BERRY, L. L. Cultivating service brand equity. Journal of the Academy of Marketing Science, v. 28, n. 1, p. 128-137, winter. 2000.

CRESWELL, John W. Projetos de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. 3. ed. Porto Alegre: Artmed, 2010.

ETIQUETAÚNICA. Manual de couros e tecidos Louis Vuitton. 201-. Disponível em: . Acesso em: 13 ago. 2019.

JAPIASSÚ, Hilton; MARCONDES, Danilo. Dicionário básico de filosofia. 3. ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2001.

KELLER, K. L. Gestão estratégica de marcas. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2006.

KOTLER, P. KELLER, K. L. Administração de marketing. 14. ed. São Paulo: Pearson Education do Brasil, 2012.

LOUISVITTON. Cruise 2020 show: canvas of the future. Estados Unidos da América, 2019a. Disponível em: . Acesso em: 17 jun. 2019.

LOUISVITTON. Uma história lendária. Brasil, 2019b. Disponível em: . Acesso em: 28 jun. 2019.

MARTINS, Joel; BOEMER, Magali Roseira; FERRAZ, Clarice Aparecida. A fenomenologia como alternativa metodológica para pesquisa: algumas considerações. Revista da Escola de Enfermagem da USP, São Paulo, vol. 24, n. 1, 1990. Disponível em: . Acesso em: 21 jun. 2019.

MAXWELL, L. A. Designing a qualitative study. In BICKMAN, L; ROG, D. (Ed.) Handbook of Applied Social Research Methods. Thousand Oaks CA: Sage, 2008. p. 214-253.

MCQUARRIE, Laura. Louis Vuitton's Canvas of the Future Introduces Bags with LED Screens. Canadá, 2019. Disponível em: . Acesso em: 17 jun. 2019.

MERRIAM, Sharan B. Qualitative research: a guide to design and implementation. San Francisco: Jossey-Bass/Wiley, 2009.

PEREIRA, Neidy Aparecida Christo; TEIXEIRA, Arilda. Fatores de motivação no consumo de itens de luxo. Revista Brasileira de Marketing, São Paulo, v. 17, n. 3. jul/set. 2018.

PINTEREST. Louis Vuitton lança bolsas com telas flexíveis e o futuro já chegou à moda. 2019. Disponível em: . Acesso em: 13 ago. 2019.

PORTER, Jon. Louis Vuitton and Royole put two web browsers on a handbag. 2019. Disponível em: . Acesso em: 17 jun. 2019.

PORTER, Michael E. Vantagem competitiva. Rio de Janeiro: Campus, 1989.

SALINAS, Vanessa Iglesias; BRANTES, Jorge; GIOVANNINI, Cristiane Junqueira; SILVA, Jorge Ferreira da. Intenção de Compra de Luxo On-Line. Revista de Administração Faces Journal, v. 13, n. 3, jul./set. 2014.

SAMPIERI, Roberto Hernandez; COLLADO, Carlos Fernández; LUCIO, María del Pilar Baptista. Metodologia de Pesquisa. 5. ed. Porto Alegre: Penso, 2013.

VEAL, A. J. Metodologia de Pesquisa em Lazer e Turismo. São Paulo, SP: Aleph, 2011.




DOI: https://doi.org/10.5965/1982615x13292020177

Direitos autorais Guilherme Henrique Koerich, Nicole Pasini Trevisol, Richard Perassi Luiz de Sousa

Licença Creative Commons

      http://www.revistas.udesc.br/public/site/images/rocha1/ceart1.png