Materiais Didático-Pedagógicos para o Ensino de Quimica

Rafaela Cristina Alexandre Vicente, Tatiana Comiotto

Resumo


A partir de uma análise sobre as metodologias aplicadas atualmente no ensino de química, percebeu-se que as mesmas têm privilegiado, na maioria das vezes, atividades que visam à memorização. Nesses moldes, sentiu-se a necessidade de aplicar estratégias que proporcionem uma aprendizagem significativa capaz de oportunizar aos discentes o desenvolvimento de um pensamento crítico e uma maior compreensão sobre a ciência. Dessa forma, o presente artigo traz propostas de materiais didáticos e jogos a fim de aprimorar o entendimento dos conteúdos de química para o ensino médio. Os materiais abordados são a Tabela Periódica Interativa, o Química a Química e o Super Trunfo da Química.

Texto completo:

PDF

Referências


AUSUBEL, D.P.; NOVAK, J.D. y HANESIAN, H. Psicología educativa: um punto de vista cognoscitivo. México, Editorial Trillas. Traducción al español, de Mario Sandoval P., de la segunda edición de Educational psychology: a cognitive view, 1983.

AZEVEDO, E. C. G. de. A interdisciplinaridade no ensino de ciências no 1º grau. Santa Cruz do Sul: Depto. de Biologia/CECIFISC/FISC, 1990.

BERNADELLI, M.S. Encantar para Ensinar - um procedimento alternativo para o ensino de química. In: Convenção Brasil Latino América Congresso Brasileiro e Encontro Paranaense de Psicoterapias Corporais. Foz do Iguaçu. Anais Centro Reichiano, 2004. CD-ROM (ISBN – 85-87691-12-0).

BRASIL. Secretaria da Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ciências Naturais. Brasília: MEC, SEF, 1998.

BRASIL. Ciências da natureza, matemática e suas tecnologias. Secretaria de Educação Básica. Brasília: Ministério da Educação, Orientações Curriculares para o Ensino Médio. 2, 2006.

BRASIL, Ministério da Educação, Secretaria de Educação Média e Tecnológica. Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio. Brasília: MEC/Semtec, 2000.

CAMPOS, L. M. L.; BORTOLOTO, T. M.; FELICIO, A. K. C. A produção de jogos didáticos para o ensino de Ciências e Biologia: uma proposta para favorecer a aprendizagem. Caderno dos Núcleos de Ensino, p.35-48, 2003.

CUNHA, M. B. Jogos no Ensino de Química: Considerações teóricas para sua Utilização em Sala de Aula. Química Nova na Escola, v. 34, n. 2, p. 92-98, mai. 2012.

DELIZOICOV, D.; ANGOTTI, J. A.; PERNAMBUCO, M. M. Ensino de Ciências: fundamentos e métodos. São Paulo: Cortez, 2002.

EICHLER, M.E. e DEL PINO, J.C. Computadores em Educação Química: Estrutura Atômica e Tabela Periódica. Química Nova, v. 6, n. 23, p. 835-840, 2000.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 39. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2009.

GODOI, T.A.; OLIVEIRA, H.P.M. e CODOGNOTO, L. Tabela periódica – um super trunfo para alunos do ensino fundamental e médio. Química Nova na Escola, n. 32, p. 22-25, 2010

KISHIMOTO, Tizuko Morchida. O jogo e a educação infantil. São Paulo: Pioneira, 2003.

MOYLES, Janet R. Só brincar? O papel do brincar na educação infantil. Tradução: Maria Adriana Veronese. Porto Alegre: Artmed, 2002.

OSTERMANN, F., MOREIRA, M.A., O ensino de Física na formação de professores de 1a a 4 a série do 1º grau: entrevistas com docentes. Caderno Catarinense de Ensino de Física, Florianópolis, v.7, n.3, p.171-182, 1990.

PAIXÃO, M.F., CACHAPUZ, A. La enseñanza de las ciencias y la formación de profesores de enseñanza primaria para la reforma curricular: de la teoría a la práctica. Enseñanza de las Ciencias, v.17, n. 2, p.69-77,1999.

PREDON, F; DEL PINO, J. C. Uma Análise Evolutiva de Modelos Didáticos de Intervenção Formativa. Investigações em Ensino de Ciências, v. 14, n.2, p. 237254,2009. Associados às Concepções Didáticas de Futuros Professores de Química Envolvidos em um Processo. Arquivos do MUDI, v19, n1, p.1-10.

REGO, T. C. Vygotsky. Uma perspectiva histórico-cultural da educação. 10a. ed. Petrópolis: Vozes, 2000.

SANTANA, E. M. A influência de atividades lúdicas na aprendizagem de conceitos químicos. In: VI Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências. Anais... Florianópolis: UFSC, 2007.

SOARES, M. H. F. B.; OKUMURA, F.; CAVALHEIRO, T. G. Proposta de um jogo didático para ensino do conceito de equilíbrio químico. Química Nova na Escola, n. 18, p. 13-17, 2003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.