Referencial, Movimento e Repouso: análise em termos do Contrato Didático

Ana Luiza Baumer, Carla Maria Fachini, Ivani Teresinha Lawall, Luiz Clement

Resumo


Este artigo apresenta a análise da implementação de uma proposta de ensino diferenciada a luz do Contrato Didático (CD). A atividade abrange os conceitos de referencial, movimento e repouso ao longo de duas aulas. O principal objetivo do trabalho é verificar se houveram perturbações no CD existente entre a professora e os estudantes, tendo em vista que atividades dessa natureza ainda não haviam sido realizadas na turma em questão. Para tanto, realizou-se a análise pela comparação entre o pré e pós-testes aplicados e a partir dos relatos escritos dos estudantes ao final da atividade. A partir dos resultados, concluiu-se que a maioria dos estudantes gostou da experiência e mostrou-se satisfeito com a forma de abordagem dos conteúdos. Poucas perturbações foram observadas, visto que a professora, apesar de não ter trabalhado com esse tipo da atividade (contação de história) anteriormente, sempre buscou apresentar os conceitos de forma dialogada e contextualizada.


Texto completo:

PDF

Referências


BROUSSEAU, G. Fundamentos e Métodos da Didática da Matemática. In: BRUN, J. Didática das Matemáticas. (Extrato p. 48-56). Horizontes Pedagógicos. Instituto Piaget, Lisboa, 1999a.

BROUSSEAU, G. Fundamentos e Métodos da Didática da Matemática. In: BRUN, J. Didática das Matemáticas. (Extrato p. 64-74). Horizontes Pedagógicos. Instituto Piaget, Lisboa, 1999b.

GOYA, A.; BZUNECK, J. A.; GUIMARAES, S. E. R.. Crenças de eficácia de professores e motivação de adolescentes para aprender Física. Psicologia Escolar e Educacional (Impresso), v. 12, p. 51-67, 2008.

LEAL, M. C.; GOUVÊA, G. Narrativa, Mito, Ciência e Tecnologia: O Ensino de Ciências na escola e no museu. ENSAIO – Pesquisa em Educação em Ciências, v. 2, n. 1, Mar. 2002.

MORETTI, M. T.; FLORES, C.R. Elementos do CD. (Ensaio) Mimeo. UFSC. 2002.

NASCIMENTO, T. L. DO. Repensando o ensino da Física no ensino médio. Fortaleza – Ceará, 2010.

PEDUZZI, L. O. Q. ; ZYLBERSZTAJN, A. ; MOREIRA, M. A. . As concepções espontâneas, a resolução de problemas e história da ciência numa sequência de conteúdos em mecânica. Revista Brasileira de Ensino de Física, São Paulo, v. 14, n.2, p. 239-246, 1992.

POMMER, W. M.; POMMER, C. P. C. R..CD na sala de aula de matemática. Atas do V Seminário de Educação Matemática de Nova Andradina,Universidade Estadual De Mato Grosso Do Sul, 2013.

OSTERMANN, F.; CAVALCANTI, C. J. H. .Leitura e Escrita em Física. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

RICARDO, E. C.; CUSTÓDIO, J. F.; REZENDE JR., M. F.. Comentários sobre as Orientações Curriculares de 2006 para o ensino da física. Revista Brasileira de Ensino de Física, v. 30, n. 2, 2401, 2008.

RICARDO, E. C.; SLONGO, I.; PIETROCOLA, M. A perturbação do CD e o gerenciamento dos paradoxos. Investigações em Ensino de Ciências, v.8, n. 2, pp. 153-163, 2003.

RICARDO, E. C.; FREIRE, J. C. A.. A concepção dos alunos sobre a física do ensino médio: um estudo exploratório. Revista Brasileira de Ensino de Física (Impresso), v. 29, p. 251-266, 2007.

SILVA, B. A. CD. In: MACHADO, S. D. A..Educação Matemática: uma (nova) introdução. 3. ed. Editora EDUC, São Paulo, 2008.

SILVA, O. G. ;NAVARRO, E. C.. A relação professor - aluno no processo Ensino-Aprendizagem. Revista Eletrônica Interdisciplinar da Univar, v. 3, n. 8, p. 95-100, 2012.

SOUZA, R.; DELGADO, O. T.. Atividade de situações problema no teatro científico como estratégia de aprendizagem da cinemática no ensino médio na proposta de P. Ya. Galperin. Produto Educacional vinculado a uma dissertação de mestrado. Boa Vista, Roraima, 2014.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.